SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
Erros mais comuns no exercício dos 5 minutos
abr 30th, 2014 by admin

ModusComprarConsultoriaComprar

Para quem está praticando o exercício de mentalização dos cinco minutos diários e se encontra com dúvidas se está ou não fazendo corretamente de modo a impressionar seu subconsciente, aí vão algumas dicas para não cometer os erros mais comuns no processo:

1)      Buscar a perfeição na mentalização

Tentar ser perfeccionista ao extremo envia a mensagem ao subconsciente de que qualquer coisa diferente daquilo resultará em fracasso. Essa sensação de agonia impressiona o subconsciente com vulnerabilidade e fracasso. Apenas faça sua sessão e sinta-se bem. Esse é o seu único trabalho.

2)      Lutar contra a mente

Ficar lutando contra pensamentos que vem à sua mente, só fará que esta fique ainda mais “ligada” e mais estimulada. Esse não é o intuito. O que queremos é desligar temporariamente a mente consciente. Pensamentos são normais, pois afinal essa é a função da mente. Portanto comece aos poucos. De repente com dois minutos, depois três, cinco e até mais se conseguir manter os pensamentos focados e a sensação boa no corpo. Caso os pensamentos insistam em assombrá-la, apenas tente não dar importância.

3)      Efetuar o exercício com a mente estimulada

Cuidado ao tomar café ou bebidas estimulantes antes de fazer o exercício. Pois isso fará com que sua mente consciente fique mais estimulada do que o normal. E esse não é nosso intuito. Queremos que você se sinta bem e relaxada.

4)      Se forçar a fazer o exercício

A mente subconsciente é impressionada por emoções. Se você se forçar a fazer o exercício mesmo sem vontade naquele dia, seu subconsciente não irá associar as sessões de mentalização com prazer, logo não irá cooperar da maneira adequada.

5)      Duvidar de si mesmo

Quando você inicia o exercício com pensamentos que deseja, sua mente consciente pré-analisa e pré-julga suas escolhas. Isso dificulta que as mensagens contornem a mente consciente e cheguem ao subconsciente.

A sua mente subconsciente inicia o processo de materialização de sua realidade por meio de mensagens que a impressionaram. Sendo assim, impressionar com dúvidas ou medos, dificulta que ela atraia o sucesso para sua vida, pois a impressão passada é justamente o contrário.

Lembrando que o subconsciente só entende sensações, por mais que você mentalize, se a dúvida e o medo forem mais fortes, serão essas sensações que serão percebidas.

Apenas faça sua parte e acredite que o processo está ocorrendo como deve ser. Você não tem que se preocupar com o “como”. Isso não é problema seu.

6)      Esforçar-se demais para detalhar a imagem

Ficar tentando imaginar cada detalhe do seu desejo fará com que sua mente consciente fique ainda mais ativa. Siga apenas as sensações das imagens como um todo. Não precisa se atentar tanto aos detalhes.

7)      Tentar monitorar ou cronometrar as mudanças

As mudanças acontecem em um espaço de tempo que dependem da receptividade de sua mente, da pré-disposição do seu subconsciente e da qualidade do seu exercício. Tentar cronometrar as mudanças irá impressionar a sua mente subconsciente com medo, fracasso ou dúvida. Foque apenas em aprimorar cada vez mais seu exercício ao invés de tentar cronometrar o tempo das mudanças. Elas virão. No começo as mudanças são sutis, quase imperceptíveis. Você começa a ter sensações no corpo, depois começa a visualizar na rua coisas as quais estava pensando, ou cenas de filme ou novela, ou ainda alguém fala sobre isso com você. São sinais! Apenas mantenha o foco. Essa é a lei. A lei não falha com ninguém. Mesmo você acreditando ou não. Mesmo você tendo consciência do processo ou não, ele continuará sendo executado.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

A lei da atração nos relacionamentos afetivos
abr 29th, 2014 by admin

ModusComprarConsultoriaComprar

Recebo muitas perguntas referentes à aplicação da lei da atração nos relacionamentos afetivos. A mulherada sempre me pergunta: “Posso usar as mentalizações para fazer com que ele queira voltar comigo?” ou ainda “Posso usar a lei da atração para casar com fulano de tal?”

A resposta é sim. Porém com uma grande e importante diferença. Vamos à explicação!

Na lei da atração trabalhamos com três pilares: Mente consciente (essa que você usa para fazer contas, escolher o sapatinho e entrar em pânico), Mente subconsciente (Acessada por intermédio de suas emoções) e Eu Superior (responsável pela ponte de criação da realidade e conexão com o universo).

Sua mente consciente deseja especificamente aquela criatura. Ok! Porém sua mente subconsciente não compreende nomes. Tanto faz para ela se você disser Criatura Fulano de Tal ou Brad Pitt. Para ela tanto faz como tanto fez!

Então como ela sabe o que eu quero para criar exatamente o meu desejo?

Ela só entende suas emoções. Ela pega as suas emoções tidas como reais e verdadeiras e as transformam em vibrações. E quando transformadas em vibrações, tais ondas do Subconsciente são enviadas ao que chamamos popularmente de “Eu Superior”, que traz exatamente o cenário condizendo com suas emoções de crença.

Mente subconsciente é corpo. É sensação no corpo e não pensamento. Pensar você pode pensar um milhão de coisas que para o subconsciente não vai fazer diferença. Porém aquilo que você pensar e tiver uma sensação que o impressione como verdade, isso sim se tornará realidade.

Portanto se você pensa, por exemplo: “Quero um dia me casar com Fulano de Tal”. Sua mente subconsciente não está nem aí para quem exatamente você pensou. Ela apenas entenderá “Ela quer algo porque não tem. Então atenderei a falta, esse tal de não tem aí e darei mais disso a ela. Porque é isso que ela sente no corpo. Ela sente a falta. Ela tem o sentimento do não tem”.

Agora, se você pensar na sensação de estar casada com aquele cristo escolhido, você procurará em seu corpo sentimentos de como você se sentiria caso isso fosse verdade. O que você sentiria dentro de você? Não vale dizer: “Ah eu ficaria completamente feliz e realizada”. Mesmo porque mulher nunca nessa vida está 100% feliz nem tampouco realizada. Pense em seu dia a dia com essa pessoa. Como seria? Como seria naturalmente. Eu disse NATURALMENTE.

E o subconsciente nesse caso, como reage?

Exatamente assim: “Ela está sentindo calma, alegria, amor, afeto, completude, tranquilidade, segurança. E o que está gerando isso nela? Uma pessoa que desperta todos os sentimentos que ela já possui dentro dela. E quem é essa pessoa que possui uma energia como essa? Ah sim, fulano de tal é quem desperta isso nela. Então vamos trazer mais disso para a realidade dela. ”

O mecanismo é esse. Funciona exatamente assim. Porém devemos levar em consideração que não basta apenas o processo de mentalização. Você precisa colocar-se em primeiro lugar em sua vida para receber, precisa retirar os pensamentos negativos que a bloqueiam, precisa aprender a dizer Sim e Não dentro de você, precisa aprender a permanecer por cima em todas as situações.

Por esse motivo muitas pessoas quando assistem ao Filme O Segredo, acabam desistindo, pois não compreendem o mecanismo, acreditam que basta pensar e pronto. Existe um caminho entre o primeiro pensamento e a realização. E é esse caminho que chamo de “pulo do gato”.

Clareei? Ou compliquei?

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Ele não é um bebê!
abr 28th, 2014 by admin

ModusComprarConsultoriaComprar

Mulher por sua concepção natural, instintivamente já possui um sentimento natural materno que aflora nos mais variados departamentos da vida.  O sentimento maternal aparece muitas vezes em situações que menos esperamos como no trabalho, nos relacionamentos interpessoais e claro como não podia deixar de ser nos relacionamentos afetivos.

Vejo muito comumente mulheres tratando seus namorados ou maridos por “neném” ou “bebê”. Falam com eles como se estes fossem de fato criancinhas, com voz e jeito de mamãe.

Ora, uma brincadeira ou outra se utilizando desse tom até passa, mas o problema é quando isso se torna uma constante. Além de ser ridículo, acaba com o relacionamento. Pois apesar de ser algo digamos carinhoso ou afetuoso, acaba por infantilizar o parceiro, remetendo-o constantemente a um estado incestuoso.

Mulherada, ele pode até ser meio incestuoso, mas ficar “comendo” mãe não dá! Ninguém tem tesão em mãe. Para um homem ou você é uma prostituta ou é uma mãe. Entende-se por prostituta toda mulher que ele mantém relações sexuais e mãe aquelas consideradas ótimas pessoas, porém que não despertam nenhum tipo de desejo sexual nesse homem.

Homem gosta de se sentir homem. Homem gosta de sentir que ele é o dominante na relação. Que ele é quem direciona a relação. Mesmo na prática não sendo! Eles gostam de se sentir poderosos e obviamente com um pênis gigante. Agora se você o trata sempre como uma criancinha tonta, indefesa e sem vontade própria, como você acha que ele vai se sentir? Como um pobre coitado com um pênis do tamanho de uma criança! E homem quando se sente assim, se ressente. E homem quando ressentido procura outra.

Mas o pior é quando a coisa é feita utilizando-se subterfúgios, como ao invés de fazer voz de mamãe a mulher se comporta como uma mãe. Ela fala como uma mulher, porém sua atuação frente a esse homem é como se ele fosse um imbecil completo.

Ok! De fato muitas vezes eles são totalmente sem noção. Fazem e falam coisas que ninguém em sã consciência falaria. Mas enfim, são apenas homens minhas caras! Não queira exigir o impossível deles! (risos).  E eles fazem isso com total naturalidade, como se o que estivessem falando ou fazendo, fosse a coisa mais normal do mundo.

E quando é que a mulher faz um homem se sentir uma criança incapaz? Quando ela diz “você não vai levar uma blusa? Está frio!”, “Você está se alimentando direito? O que você anda comendo?”, “Olha lá o que você vai fazer hein!”, “Tenha modos!”, “Vai tomar banho, está na hora” (Opa esse eu faço! Mas só esse!).

Em outras palavras você está dizendo: “Olha você é um incapaz, pobre, miserável, desgraçado, que não sabe se cuidar, portanto eu preciso tomar conta de você, controlá-lo, senão você faz caquinha”. E como é que esse homem se sente? Um homem sem pinto!

Veja, pouco a pouco, você está acabando com a energia sexual entre vocês dois e nem se deu conta disso, não é verdade?

Isso não significa que você não pode fazer um agradinho, como uma comidinha, ou de vez em quanto fazer uma brincadeira. Não é isso! Você pode claro! Apenas deve tomar cuidado, para que esse seu instinto maternal não domine a relação de vez e você passe de prostituta a mãe.

Lembre-se: Homem é homem, ou seja, aquele que tem pinto. Trate-o como se o “amigo” dele fosse o maior do mundo e você terá um homem apaixonado aos seus pés.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

A verdadeira mudança
abr 25th, 2014 by admin

ModusComprar

Vejo muitas mulheres realmente dispostas a mudar. Realmente cansadas da vida que vem levando, dos tombos, das decepções e dos desejos não realizados. Então elas se dizem cansadas e dispostas a mudar pra valer.

E percebo que se empenham! Leem livros sobre o assunto, assistem a filmes, perguntam, ou seja, conscientemente na cabeça delas, elas de fato estão fazendo de tudo.

Mas e lá dentro? Como está de verdade? Será que esse posicionamento de que “quero mudar” minha realidade, em seu íntimo possui a mesma concordância com a cabeça? Ou será que a cabeça pensa uma coisa, mas seu corpo sente outra?

Responda algumas perguntas simples para mim:

1)      Você se dói com comentários maldosos alheios, mesmo estes não sendo ditos diretamente a você?

2)      Se alguém a condena mesmo que “amigavelmente” você escuta?

3)      Você se deixa pisar e comumente não consegue colocar o agressor em seu devido lugar?

4)      Você diz querer muito uma coisa, porém seu pensamento constante é de que “aquilo” é algo praticamente impossível?

5)      Você faz, faz, faz, na cabeça é claro, mas as coisas parecem estar paradas?

É minha cara, sua posição continua a mesma de quando começamos a conversar!

Um minuto para seu momento de revolta….

Eu sei bem que sensação é esta, pois já passei exatamente por isso. A gente estuda, se aplica, procura entender, mas nada, nada aparentemente acontece.

Quer saber qual sua frequência e o que você anda atraindo? É simples! Como você está se sentindo? Gostosinha com você ou triste e com medo de tudo? Achando-se a última bolacha do pacote, ou um “pacotão” (no sentido de bagulhão)?

Pessoal, estamos numa área densa, em que a criação e a visibilidade as mudanças são mais lentas. O que significa dizer, que a minha real mudança de hoje, não será sentida no dia seguinte. O que você vive hoje é fruto de sua vibração passada. Portanto seu futuro será fruto da forma que você se sente hoje. Se você continua com os mesmos sentimentos com relação a você e sua vida, mesmo que na sua “cabeça” você ache que está fazendo tudo que pode, seu futuro será o mesmo de hoje.

Por isso que digo que o sofrimento, a dor, a tristeza não mudam ninguém. O que muda é o cansaço ao sofrimento. Quando a pessoa realmente se cansa da vida que está vivendo, ela solta tudo, manda todos para aquele lugar e passa a viver a vida como deve ser vivida. Ou seja, fazendo só o que ela quer, na hora que quer e do jeito que quer, doa a quem doer. Ela passa a fazer tudo para o seu próprio prazer, importando-se somente com seu bem-estar e esquece de cuidar da vida dos outros, para cuidar de sua própria. Os pensamentos, as palavras e as opiniões alheias não tem mais qualquer importância. O gostar ou não do outro, não tem mais validade. Ela não valida mais nada. Só valida suas próprias impressões. Isso sim é valorizar-se. E então a vida sorri pra ela! E ela pensa: “Agora? Agora que eu larguei tudo?”

Pois é! Só agora o universo pode agir através de você. Sim! O universo precisa de você. Precisa que você o deixe agir. Você deixa?

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Marcando passo no mesmo lugar
abr 24th, 2014 by admin

ModusComprar

Já percebeu como muitas vezes ficamos marcando passo no lugar e nem nos damos conta? Fazemos isso com empregos, namorados, maridos, familiares e não percebemos que existe um mundo de possibilidades a nossa volta pronto para serem acessados.

Parece que o medo e a insegurança tomam conta de nós e ficamos ali paralisadas.

Vejo mulheres com uma vida inteira pela frente, ficarem as voltas com situações que já foram, já passaram, já não existem mais, a não ser na própria mente delas. Elas se prendem a palavras ditas ou escritas, situações vivenciadas, porém que ficaram gravadas em sua mente como se tudo aquilo ainda tivesse acontecendo no momento presente.

O pior é que você fala, você tenta a todo custo demonstrar que elas estão marcando passo no mesmo lugar e estão bloqueando suas próprias vidas, mas a coisa funciona como um círculo vicioso. Elas simplesmente não conseguem sair desse vício.

Eu falo e elas voltam lá no passado e repetem tudo novamente. Eu repito de outra forma e elas voltam e repetem tudo como um gravador. E não percebem o que estão fazendo com elas próprias!

A mente é esperta, é rápida e grava as coisas que é uma beleza! Colocou lá com um pouco de entusiasmo, pronto, gravou! E como gravou! E como aprendeu! E então permanece repetindo a mesma coisa por meses, por anos! E enquanto elas não decidirem largar aquela determinada situação e se darem a chance, aquele grupo de pensamentos ficará “ligado”.

Parece-me muitas vezes que elas estão num labirinto procurando a saída. Porém quando finalmente encontram, viram as costas e voltam correndo para o centro desse labirinto. Parece-me que a porta de saída é perigosa, insegura e incerta. É mais fácil e conhecido pra elas, permanecerem dentro do labirinto, do que brincarem no jardim lá fora.

Não será esse seu caso? Será que você faz isso com esse seu emprego? Ou com esse relacionamento que você viveu um ano atrás, dois anos atrás, cinco anos atrás?

Agora responda a você mesma: Você está feliz vivendo assim? Está satisfeita? É gostoso ficar correndo dentro de um labirinto sem encontrar a saída?

Acredito que a resposta seja única: Não!

Então mude! Solte o que lhe aprisiona! Exclua e bloqueie redes sociais, aplicativos de bate-papo, fotos, mensagens, tudo. Mude sua vida já. Descarte o lhe faz sofrer. Jogue no lixo o lhe causa angústia e sofrimento. Esse é o seu labirinto!

Eu não posso fazer isso por você. Mas você tem o poder completo para mudar a partir de agora a sua realidade. Saia dessa posição de fadinha do reino das pamonhas. Mostre ao mundo a sua força. Mostre esse ódio que existe dentro de você, pronto para ser acessado.

Comprometa-se com você com todo o seu coração. Segure em sua mão e tome as decisões que proporcionarão as mudanças necessárias em sua vida.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Quem nunca errou que atire a primeira pedra
abr 23rd, 2014 by admin

ModusComprar

Sabias palavras! Quem nunca errou nessa vida? Quem nunca fez algo acreditando que aquele era o melhor? Quem nunca acreditou num traste? Quem nunca olhou para alguém e achou que fosse boa coisa? A gente faz isso com fruta, não vai fazer com homem?! A gente olha a casca e acha que está levando uma fruta suculenta para casa, mas quando morde percebe que já está passada ou está verde!

Isso na vida acontece a todo o momento. Porém o mais importante disso tudo é não se culpar. Os erros estão aí para serem cometidos. O que seria da vida sem os erros? São eles que nos ensinam, nos colocam no caminho certo e nos fazem perceber o que verdadeiramente gostamos ou queremos.

É justamente na experiência do contraste que identificamos o que de fato queremos ou não, o que serve e o que deve ser rechaçado. É essa a dinâmica da vida!

E como é assim, agora eu te pergunto: Pra que ficar se batendo a cada erro? Pra que ficar se condenando como se o seu erro fosse exterminar a vida na terra?

Ora, o sol não nasce todos os dias (mesmo você não querendo)? Ótimo! Então se você errou ontem, isso não tem mais importância. O importante é que hoje você não erre mais referente a esse assunto. Se você errou e com seu erro identificou o seu “melhor”, maravilha. Então a partir de hoje, o seu “melhor” passou a ser o seu aprendizado de ontem. Não existe lamentação, ou arrependimento na natureza. Existe o que é prático e o que é descartável.

O seu erro de ontem é algo que deve, portanto ser descartado. E o seu “melhor” aprendido de hoje, colocado em prática.

Quando você age assim, o seu melhor te protege. É isso que falo tanto em estar no seu “melhor”. O seu melhor é o seu “melhor” e não tem nada a ver com o “melhor” da colega. O que serve para você não serve para ela.

E se mesmo sabendo que estou errando, eu continuar fazendo?

Ok! É uma escolha! É uma decisão! Porém, o universo não a protege mais referente a esse assunto e a todos os outros que possuem o mesmo nível de vibração da sua escolha. Fica por sua conta e risco! Afinal você não é mais inocente. Você já sabe perfeitamente como agir, como pensar e como sentir. E se você continua teimando na mesma coisa, marcando passo na mesma situação, tendo total consciência de que existe outra forma de conduzir a questão, então 100% do controle fica na sua mão. E os 100% na sua mão, você já sabe o que acontece, não é mesmo?

Se sua parte é só referente aos 10% e os 90% restantes cabe ao universo em sua inteligência infinita, porque cargas d’água você quer ficar sozinha?

Use a lei da união ao seu favor. Use o aprendizado de ontem a partir desse momento e colha os frutos que tanto desejas.

Eu mais o Universo uma força só. Eu 10% mais o Universo 90% dominamos juntos a arte de moldar a matéria e assim minha realidade.

É para isso que você está aqui. Só isso. Você não tem que evoluir, pois você já nasceu pronta. Você não tem que virar luz, pois você já nasceu iluminada. Você só precisa despertar para essa realidade.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Paixão é recalque projetado
abr 22nd, 2014 by admin

ModusComprar

Ai a paixão! Paixão é sofrimento no começo, no meio e no fim (risos). A gente fica para morrer. Tudo parece ser muito mais importante e grandioso do que de fato é. O mundo parece que vai desabar. Mas isso é só paixão. E paixão não tem nada a ver com amor. Mas é comumente confundido.

Estudando o comportamento humano, eu descobri o seguinte:

Existe na psicologia um fenômeno chamado de “projeção”, onde nada mais é do que ver no outro aquilo que você realmente é.

Somos desde crianças treinadas a nos negar. Negam nossas qualidades, alegando serem defeitos. Negam nossas características, negam nossos sensos, negam nossa originalidade. Então crescemos colocando tudo o que verdadeiramente somos lá para uma região chamada de inconsciente. E então nós crescemos sem nos darmos conta quem realmente somos e quais são nossas verdadeiras características.

E por negarmos todo esse pacote que somos, um belo dia, algum cristão desavisado passa à sua frente. E você sem mais nem menos fica fascinada por aquela criatura. Não tem explicação! Ele não fez nada demais! Ele só passou! E você então se diz apaixonada.

Sabe o que aconteceu? O fenômeno da projeção. Ou seja, tudo aquilo que você se negou e jogou lá no fundão do inconsciente, é projetado naquele indivíduo. E então você olha para ele e fica maravilhada com todo aquele conjunto. Sabe o que você viu nele? VOCÊ!

Está surpresa?

Todas aquelas qualidades, beleza, charme, desenvoltura, aquela coisa, sabe? É você!

A paixão tem data de validade. Ela tem data para começar e para acabar. Ainda bem que a natureza é sabia, caso contrário, em dois anos estaríamos todos mortos vítimas de uma parada cardíaca. Olhar para nós próprios projetados em outro causa problema no coração (risos). É muita emoção! Pensa só!

Quer ter a prova?

Lembre-se daquele seu caso amoroso do passado. Lembre-se como você foi apaixonada por aquilo. Sim, digo “aquilo”, porque quando você lembra, você pensa: “Mas como que eu pude gostar daquilo?”. Você nem acredita!

Mas é que você visualiza a coisa dessa forma, porque a paixão acabou, ou seja, a projeção acabou. Sendo assim, você não se visualiza mais no corpo daquela criatura e o “ser” passa a ser quem ele realmente é, ou seja, aquela merda mesmo.

Eu resolvi esse problema. A paixão para mim tem que durar dois minutos. Em dois minutos somos capazes de nos apaixonar e parar o processo no minuto seguinte. É simples. Titia explica:

Basta que você quando sentir esse fascínio por alguém, se imaginar como sendo a pessoa. Ou seja, coloque-se no lugar da pessoa e sinta todas as características que fazem com que você ache esse demônio lindo. Perceba quais são as qualidades principais que a fazem morrer de amor.

Agora pense aqui comigo: Todas essas características e qualidades que eu amo nesse sujeito, na verdade, são as minhas negadas. O que eu estou visualizando sou eu mesma nessa criatura.

Então, se você acha esse infeliz lindo de morrer, na verdade você está negando a sua beleza. Se você acha esse pobre diabo gostoso, é porque você está negando a sua gostosura. Ele pode ser bonito mesmo? Até pode. Mas na frente disso está a sua beleza negada.

Quando você compreende isso, você começa a olhar a criatura com outros olhos e começa a perceber que tudo não passa de armadilhas da mente para fazer você enxergar o que você tanto nega.

Vou deixar você aí com essa cara de assustada pensando: “Então sou eu aquilo tudo que eu vejo?” (risos).

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Modus Operandi Masculino – Áudio – Lançamento
abr 21st, 2014 by admin

ModusComprar

Saída de uma mordidinha que uma mosquita afoita da espécie aedes aegypti, o que me acarretou uma dengue branda, porém incomoda, resolvi soltar a língua e fazer um áudio extra para um feriadão prolongado.

Modus Operandi para quem não sabe é uma expressão em latim que significa “modo de operação”. Utilizada para designar uma maneira de agir, operar ou executar uma atividade seguindo sempre os mesmos procedimentos. Esses procedimentos são como se fossem códigos. Em administração de empresas, modus operandi designa a maneira de realizar determinada tarefa segundo um padrão pré-estabelecido que dita as maneiras de como agir em determinados processos.

No caso dos assassinos em série, o mesmo modo é usado para matar as vítimas: este modo identifica o criminoso como o mesmo autor de vários outros crimes.

E foi justamente essa expressão que utilizei para chamar o novo áudio: Modus Operandi Masculino.

Ora, se existe uma forma específica que todos os homens agem e porque agem, essa forma tem nome: Pinto, Trabuco, Passarinho, Pênis.Infelizmente por trás de toda fonte a chegada do poder, indiretamente toda gana por dinheiro, fama e fortuna está a coisa mais importante para um homem que é seu próprio pênis.

Eles possuem essa urgência sexual. Sempre! É da natureza masculina, caso contrário, não estaríamos aqui vivos. É graças a essa urgência que a raça humana existe, pois se fossemos depender apenas da vontade feminina já era a humanidade. Eu costumo dizer que as mulheres possuem uma ligação entre a periquita e o cérebro, onde dependendo do que ela escutar e “encasquetar” já era a festinha da noite. Homem não! Homem pode estar discutindo algo com você e estar com o “amigo das zonas baixas” a postos. Pois para eles uma coisa não está ligada a outra. Sua urgência sexual é tão forte, que ultrapassa totalmente o mental.

A maioria da mulherada tem aquele velho pensamento de que “homem só pensa naquilo”, o que de fato é verdade, mas não por falta de vergonha na cara, mas porque é da natureza deles. Eles não fazem por mal! Mas por instinto. O relacionar-se para um homem tem a ver com o físico. Sem o físico não existe todo o resto. Para a mulher é justamente o contrário. Primeiro o amor depois o físico. Para o homem? Primeiro segundo terceiro e por último o físico. Isso não quer dizer que não exista as outras coisas. Existe claro! Mas não antes e juntamente com o físico. Essa é a base!

Você como uma mulher da espécie “pensante” e “observadora” do comportamento humano precisa compreender certas coisas e começar a usar essas descobertas ao seu favor. Viver com pensamentos baseados no século passado, de que as coisas são como são e os homens são assim e pronto, não cabe mais em sua nova vivência. Você quer entender! Você quer compreender a melhor forma de agir e quer fazer isso com segurança, sem ficar pensando se foi grossa ou fada geleia. Você quer agir e ter a certeza de que o fez com exatidão. Vamos falar o português claro aqui nesse áudio? Vamos lá na cozinha um minutinho tomar um café?

Siga-me no twitter: @menruntoyou

Lista de Prioridades Masculina
abr 17th, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Você já se perguntou qual seria a lista de prioridades masculina? É simples! Veja abaixo:

Pinto -> Trabalho -> Dinheiro -> Relacionamento Afetivo

É exatamente assim nessa ordem.

Para “Pinto”, acredito que dispense explicações, não é mesmo? Homem tem necessidade de usá-lo, seja da forma que for e com quem estiver disponível. Isso não tem nada a ver com envolvimento emocional, mas uma necessidade fisiológica.

Pessoal, estou falando aqui de prioridades. Esqueçam nesse texto se ele é cafajeste, moleque, casado ou solteiro, ok?

Em seguida, vem o trabalho. Diria que o quesito trabalho possui quase a mesma importância que o pinto. Mas é algo mais como: “Se eu não for bem sucedido profissionalmente eu não sou homem, logo sou um homem sem pinto”.

Um homem com problemas profissionais o pinto não funciona direito, chegando até mesmo a não funcionar.

Aqui novamente pessoal, estou falando de um homem de fato e não de um vagabundo que goste de passar o dia jogando vídeo game.

Se existe algo em seu trabalho que o está incomodando, preocupando ou irritando, esqueça-o. Deixe-o quieto com seus problemas. Não tente ficar perguntando o que ele tem, mesmo porque você já sabe. Ele ficará frio, grosso e até insensível. Mas tudo isso não tem nada a ver com você, mas apenas com a neurose profissional da cabeça dele.

Por uma consequência da área profissional, o dinheiro é algo dita a performance do primeiro quesito: o pinto. Sem dinheiro ou com medo de perdê-lo, o pinto não funciona. Nem adianta Viagra. Ele não se anima minha querida. Esqueça.

E em último lugar, adivinhem? Claro! Vem o tal do relacionamento afetivo, o que para nós mulheres está em primeiro lugar.

Para nós, se a parte afetiva está bem, ok, se a área profissional não está lá grande coisa. Nós continuamos sorrindo. Agora, se o relacionamento degringolou, você pode ser promovida, ganhar uma bolada de dinheiro, ou conseguir um emprego novo, que você vai continuar achando que “tudo” está uma porcaria. É ou não é? Claro que é, nem tente me enganar.

Só por esse simples texto, você já notou que se um homem não está estabilizado profissionalmente, ele não vai pensar em algo mais sério. E quando digo algo mais sério estou falando de casamento. Afinal, ele sente a responsabilidade de um lar em seus ombros. Ele quer muito ter um lar, uma família só dele, porém ele precisa conseguir sustentá-la. E é por isso que a questão profissional é tão importante pra eles.

E a lista de prioridades femininas?

Fácil essa hein. Lá vai:

Preencher a vaga namorado / marido -> Corpo Perfeito -> Dinheiro -> Profissão

Nessa ordem!

Existe exceção? Claro que existe. Mas 99% das mulheres tem essa equação até inconsciente. É só escutar uma conversa de salão de beleza ou visitar uma clínica de estética. No salão, porque é lá que a mulherada se junta para falar de homem e trocar técnicas de guerrilha e clínica de estética, porque lá fazemos loucuras para conseguir arrumar o que acreditamos estar fora do lugar.

Loucas! Todas loucas nós somos! (risos). Mas está valendo!

Siga-me no twitter: @menruntoyou

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

A Linguagem secreta dos sonhos
abr 16th, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Hoje vou falar sobre algo que causa muita dúvida na cabeça das pessoas: Os Sonhos. Causa dúvida, pois comumente os sonhos são nebulosos, estranhos, com imagens não tão claras e com grande impulso emocional.

Os sonhos possuem essa carga emocional que muitas vezes permanece impregnada em nós durante um dia todo, porque quando sonhamos, estamos num estado de “desencaixe”. E o que seria isso? Você não está nem lá nem cá. Você está meio no físico e meio no astral. E tudo o que é do astral é muito forte e sentimos profundamente quando nos encontramos nesse estado. Na realidade física tudo é mais denso, portanto mais brando e por esse motivo tudo o que é “pensado” ou “desejado” com sua energia vibracional demora certo tempo para se materializar.

Agora no astral tudo é muito rápido, é imediato, inclusive as sensações são extremamente mais fortes. Quem nunca sonhou com algo, seja bom ou ruim e acordou no meio da noite com uma sensação extremamente forte? Na manhã seguinte, quando você analisa o sonho percebe que não foi algo tão significativo, porém a sensação causada no instante seguinte em que acordou no meio da madrugada foi de fato assustadora.

Agora vai um segredinho: Seu sonho é a forma com que sua mente subconsciente utiliza para se comunicar com você.  Isso mesmo! Quer saber o que anda gravado nela? Interprete seus sonhos. Quer saber quais crenças e bloqueios têm? Analise seus sonhos e pesadelos.

Alguém se recorda de um desenho chamado “Caverna do Dragão”? Talvez as mais jovens ou estrangeiras não conheçam. Mas é um desenho que existia um mago chamado de “Mestre dos Magos” que conversava com os heróis do desenho por parábolas e charadas. Ele aparecia em alguns momentos do desenho com uma ou duas frases de efeito e desaparecia.

Sua mente subconsciente funciona como esse “Mestre dos Magos”. Ela fala com você pela linguagem dos sonhos. O idioma utilizado para a comunicação é o sonho. Por esse motivo, muitas vezes, eles parecem tão sem sentido, ou aterrorizantes, ou confusos. Mas é a forma que o subconsciente se utiliza para chegar até sua mente consciente.

“Mas então eu devo levar ao pé da letra o sonho?” – Não! Os sonhos são subjetivos, não são diretos. Ora, se o subconsciente pudesse passar-lhe informações diretas, o faria diretamente por sua mente consciente e não pelo dialeto dos sonhos.

“Então se eu sonhei que Brad largará de Angelina e me pedirá em casamento, minha mente subconsciente está dizendo que isso acontecerá de fato?” – Não mente safada, isso não vai acontecer!

E como eu sei então? Como eu interpreto?

Simples! E é uma coisa que você já sabe!

Você deve guiar-se pelas sensações apresentadas. Qual a sensação que você teve ao ser pedida em casamento por Brad? Felicidade? Comicidade? Medo de não dar conta do recado?

Pegue a sensação, transfira para sua vida e tente entender onde ela se encaixa.  Por favor, não viaje (risos). Deixe a ilusão “psica” da cabeça fada geleia de lado. Tente pensar como um cientista e não como Alice no país das maravilhas.

Sua mente subconsciente está tentando se comunicar, então estude sua linguagem e a utilize para falar com ela no mesmo idioma para pedir o que você quer, para mudar as crenças que a bloqueiam e assim trazer para sua realidade física o que se deseja.

Vejam, a mente subconsciente é o elo entre você consciente e as leis do universo. É por intermédio dela que tudo é criado e trazido para essa realidade que hoje você vê e chora. Portanto, pegue o dicionário de sua vida e traduza o que ela tem a dizer.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Se você não se ama, não pode amar alguém
abr 15th, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Já percebeu quanta sandice é feita em nome do amor? Da auto-humilhação ao assassinato. Da auto-humilhação porque muitas mulheres se prestam a papéis até mesmo patéticos apenas para ter aquele corpo ao lado. Ao assassinato, porque muitas exterminam literalmente o objeto de seu desejo, tolhendo futuramente sua própria liberdade, pois acabam sendo presas, em nome desse “amor”.

Agora pense aqui comigo. Você arriscaria sua liberdade, seu direito de ir e vir, de um ar condicionado e de sua confortável cama, para dormir num lugar abafado, com outras pessoas, num colchão duro e comendo uma comida não light (risos)? Eu não! Sinceramente prefiro aguardar a vingança que virá por jegue alado.

Ok! Que muitas vezes considero que a revolta é tão grande que podemos sim perder as estribeiras e partir para cima do cidadão, porém tenho uma consideração a fazer sobre isso. O ódio irracional dura exato dez minutos.  Se você conseguir aguentar esses dez minutos e não aniquilar o ser, o máximo que você ganhará será uma dor de garganta por ter segurado a energia nociva dentro de você. Mas será só isso! Você não ganhará nenhum processo criminal ou cível. Você se poupará de uma carga emocional de estresse, o que é muito maior do que uma simples dor de garganta.

O que estou querendo dizer é que mesmo sua revolta sendo tão grande você sempre deve pensar primeiramente em você. Mesmo que nessas horas você não consiga pensar?!

Veja, quando tomamos a decisão de nos amarmos em primeiro lugar, de estarmos sempre ao nosso lado, é natural que qualquer decisão seja ela vivida num momento crítico ou trivial, seja respaldado por esse seu lado “amiga de si própria”. Com o passar do tempo, conforme você vai praticando o “eu em primeiro lugar”, todas as suas escolhas e comportamentos passam a ser automaticamente baseadas sempre em você, para você e com você.

Afinal, quem não está inteiramente de seu próprio lado, quem não defende sua própria vida com unhas e dentes e permite que qualquer desavisado tome posse do que é seu, se ama verdadeiramente? A resposta é não! E se essa pessoa não se ama como ela pode dizer que ama um terceiro, se ela própria não reconhece esse sentimento dentro de si?  Ora, isso é qualquer coisa, seja paixonite, fogo no rabo, ilusão, o que você quiser chamar, menos amor.

Acho engraçado quando alguém conversa comigo e me conta toda sua trajetória de humilhações e no final diz: Mas eu aguentei tudo isso por amor.

Amor? Amor ao que exatamente? Aquele ser que a faz sofrer? Não!

AMOR AO SOFRIMENTO.

“Mas que coisa mais louca isso Fernanda! Como alguém pode amar o sofrimento?”

Vou dar-lhe cinco segundos para pensar…

É mais comum do que você pode imaginar. Eu sei que é uma coisa totalmente incoerente, mas é muito comum. Vejo as mulheres amarem o sofrimento provocado nelas e não aquela pessoa responsável pelo seu sofrimento.

Mas porque isso?

Porque o sofrimento faz com que sintamos a vida. Quando sofremos, sentimos que estamos vivos de alguma forma. Que forma mais esdrúxula de sentir a vida hein!!

Não é mais fácil pegar um homem gostoso? Você vai sentir a vida do mesmo jeito minha santa! Que seja por meia hora, mas vai! (risos).

Mas sentir a vida sofrendo, é um tanto quanto tosco, não acham? Tanto jeito melhor para se sentir viva e você vai escolher justo o modo pior?

Vou deixá-la pensar no que ou por quem você anda sofrendo…

Siga-me no twitter: @menruntoyou

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

A beleza que é só sua
abr 14th, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Assistam ao vídeo abaixo:

 

Gosto bastante das propagandas dessa marca. Nada a favor ou contra a marca, mas acredito que os publicitários que trabalham nesses comerciais de fato sabem o que estão dizendo.

A grande maioria das mulheres não tem a mínima noção de quem são. Não conseguem olhar-se com seus verdadeiros olhos. Elas se olham no espelho e imediatamente comparam-se com a modelo anoréxica e photoshopada da revista. A atriz diz, tive filho e uma semana depois minha barriga tinha desaparecido e a gente acredita que foi porque a genética dela é muito boa e não por um médico com uma cânula milagrosa que chupou tudo o que tinha lá. Ora, quem é mãe aqui sabe o tempo que demora para um corpo retornar ao seu estado original, quando volta!

E é nessa loucura e cegueira que a maioria das mulheres vive e se colocam em posições totalmente fora do contexto ao qual elas merecem.  E tudo isso por quê?

Primeiro porque se veem com os olhos dos outros, como se elas não tivessem seus próprios olhos. Segundo, que por mais que tentem se olhar como são, sempre veem aquém de sua verdadeira beleza e capacidade. Sempre se veem como menos, como pequenas, como seres inferiores, que precisassem mendigar carinho, ser o que o outro quer para que assim possam ter uma chance de ter alguém (um homem) ao seu lado, não acreditam que sendo como são, alguém seja capaz de amá-las de verdade.

E o modelo? E o patamar a ser alcançado? É ridiculamente e ignorantemente fora de nossas mãos. A gente quer aquele nariz, aquele traseiro, aquele peito, aquela barriga maldita. Comparamos coisas incomparáveis. Ora, se no Universo existe a lei da Unicidade, onde tudo é único, e nem um grão de areia é igual ao outro, então porque ficamos nos comparando com outro ser que não tem nada a ver nem fisicamente nem celularmente conosco? Que loucura é essa?

E aí claro, começam a surgir diversos sentimentos que destroem muitos relacionamentos como a insegurança, o medo, a insatisfação, o ciúmes, a baixa estima e por aí vai.

Sugiro então que a partir de hoje você comece a se olhar, com os mesmos olhos que passa as páginas de uma revista feminina. Olhe para você e se admire, afinal você é única do jeitinho que é. E tenha certeza que sempre tem alguém que gostará exatamente desse mesmo jeitinho, com traseiro ou sem traseiro, com muito ou pouco peito, com o cabelo liso, encaracolado ou Black Power.  Não importa!

Você é você e merece tudo de maravilhoso que essa vivência nesse planeta pode oferecer.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Vergonha na cara é melhor do que blush
abr 11th, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Gente está tudo errado! A mulherada está assumindo um papel tão pequeno, tão sem valor, tão sem poder de barganha na praça, que basta um porcaria desqualificado qualquer falar uma besteira para que nossa autoestima despenque. A gente acredita na “pataquada”! A gente leva aquela frase como sendo a mais pura das verdades. A gente quer morrer e quer matar!

Começa o primeiro erro clássico que a mulher sempre comete que é basear o comportamento masculino no seu próprio modo de pensar, ou seja, esperam que o homem se comporte como uma mulher. E ai que começam todos os enganos e tropeços.

O homem age e a mulher apenas “escuta” palavras.  A mulher fala, mas o homem não assimila nenhuma palavra, ele na verdade está “escutando” apenas as atitudes e ações dela.

Quer entender um homem? Então pare de pensar como uma mulher. Pense como um homem. E como é pensar como um homem? Começa com o que expliquei acima, ou seja, apenas observar as ações e não as palavras e termina com uma coisa chamada de vergonha na cara.

Vergonha na cara é igual maquiagem, deixa a gente mais bonita! Com mais valor! Com mais amor próprio e por consequência mais cotada no mercado.

E se um homem disser que você está se supervalorizando então você responde: “Não meu querido, é você quem está muito aquém de ter uma preciosidade assim na sua vida. Afinal só quem acha caro algo, é pobre. Rico não teme pagar o preço ”.

Logo, ele pode até não ser pobre financeiramente falando, mas é pobre de espírito. E pobre você não deve passar nem perto. Nos dois sentidos. Desculpe-me os cristãos de plantão, mas em se tratando da minha vida eu quero o melhor.

Tudo bem que não precisa ser um multimilionário, mas se for um homem que trabalhe e tenha um ordenado razoável já está valendo. Mas um duro, não dá! Um homem na faixa etária dos 30 que ainda mora com os pais, come, dorme e s e veste as custas da família, não tem carro e vive contando as vidas de um vídeo game, tem vergonha na cara? Não tem! Logo não é homem, mas uma espécie ainda não catalogada. Talvez uma mutação da então classe animal conhecida como Vagabundos.  Desses, você deve passar longe!

Mas voltando ao assunto em baila, como anda o seu grau de vergonha na cara? Ainda continua permitindo que uma criatura a engane? Minta descaradamente? Maltrate-a sem cerimônia? Diga na sua cara que você não é nada? Trate-a como se você fosse um paninho de chão? Passe por cima de seus sentimentos como se pula um saco de lixo na rua? Onde está sua vergonha na cara nessas horas?

“Ah, mas eu o amo muito” – Ama? Mas você nem tem amor por você? Você nem sabe amar? Quem é você nessa altura dos acontecimentos para dizer que ama?

Antes de você dizer que ama alguém, você precisa desesperadamente voltar a amar você. Se hoje você chora por uma pessoa que a tratou como um nada é porque você não sabe amar.

A mulher que tem vergonha na cara se ama incondicionalmente. Não se julga, não se culpa e não se condena.  Uma falta de respeito não é aceita e é repreendida no mesmo momento. Ela simplesmente não deixa passar.

“Ah, mas então eu tenho que levar tudo a ferro e fogo?”. Depende! Se esse tudo é a sua vida, minha resposta é SIM!

“Ah, mas se eu agir assim ninguém mais vai querer ficar perto de mim.”

Engano seu! Só os respeitáveis se aproximarão de você, pois querendo ou não, as pessoas que desrespeitam as outras são porque também não se respeitam. E você quer ficar em qual grupo? Dos que impõem respeito com sua simples energia de presença, ou daqueles que são constantemente invadidos, julgados e ridicularizados?

Siga-me no twitter: @menruntoyou

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Doação efetuada – União Casa de Crianças
abr 10th, 2014 by admin

Olá a todos!

Para quem comprou os áudios ou participou de uma conversa por skype comigo, informo que a doação desse mês foi efetuada para o Lar – União Casa de Crianças das Operárias de Jesus do Rio de Janeiro.

A União das Operárias de Jesus é uma casa de crianças carentes, filantrópica sem fins lucrativos, desde sua fundação, e que desde 1934, tem assegurado a centenas de crianças o direito à cidadania e o respeito como seres humanos.

Atualmente abriga em sua sede cerca de 70 crianças, de ambos os sexos, que fazem parte de uma grande família.

Sua diretoria é formada por voluntários e conta com a ajuda de um corpo de funcionários dedicados, com a finalidade de dar apoio e carinho às crianças.

A união realiza um trabalho de prevenção acolhendo crianças em situação de risco social, garantindo-lhes o desenvolvimento pessoal e social, a integridade física, psicológica e moral.

A idade para ingresso é de 3 a 7 anos e a União dá aos acolhidos instrução, desde à pré-escola até a conclusão do curso médio, através de bolsas de estudo do Colégio Imperial, que funciona no mesmo endereço. Além disso, oferece assistência médica, dentária, psicológica, religiosa e também ajuda com o estudo dirigido e serviço de fonoaudiologia.

A União orgulha-se de ter contribuído para a formação de médicos, engenheiros, administradores de empresas, dentre outros.

Localização:  Praia de Botafogo no 522/ 524, Botafogo, RJ, CEP 22250-040 junto à rua da Passagem (Colégio Imperial)

Site: http://http://www.uniao.org.br/

uniaouniao2união3

Canalhice x Compulsão Sexual
abr 9th, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Que assunto delicado esse de se tratar, não é mesmo? Para a grande maioria, um traidor compulsivo é o mesmo que canalha inveterado. Mas não é. Existe uma linha tênue que eu ainda estou estudando, pois não me sinto convencida, que é a de uma doença chamada de Compulsão sexual.

E o que consiste essa doença? O homem ou a mulher precisam de sexo, ou de estímulos sexuais 24 horas por dia, 365 dias no ano. Com um único parceiro? Normalmente não! Se esses homens possuem, por exemplo, namorada ou esposa, traem compulsivamente. Compulsivamente quanto? Toda semana. Com uma amante fixa? Não. Normalmente são mulheres / homens diferentes.

E quais são as características principais? (e essa parte serve para que você tente identificar os sinais)

1)      São viciados em filme pornográfico

Normalmente tem o hábito de assistirem filmes pornográficos o dia todo. Se durante o dia por motivo de trabalho não o podem fazer, à noite, no computador, o fazem.  E com o advento da internet, a coisa ficou ainda pior, pois o acesso a esse tipo de conteúdo e a variedade são muito grandes.

Por favor, não confundam aqui com homens que assistem de vez em quando. Homem assistir uma vez outra esse tipo de filme é normal, o que sai da normalidade, é quando a coisa é compulsiva, ou seja, diária.

2)      Tem a necessidade de estímulo sexual constante

E o que seria esse estímulo sexual? Masturbação constante, chegando muitas vezes a se machucarem devido ao atrito. Tenho relatos de pessoas que precisam no meio do expediente ir ao banheiro da empresa para fazerem. Isso que é disposição!

3)      Traem compulsivamente

Aqui está a tal de linha tênue que mencionei no início do texto. A traição é uma constante. Mesmo que a esposa ou marido faça sexo com o parceiro diariamente, não será suficiente. Nunca será! Em todos os lugares onde se encontram, é local para arrumarem um parceiro. Chegam a perder a noção do perigo, mantendo relações sexuais em lugares públicos, com vizinhos, com esposas de amigos, com namoradas de irmãos, com amigas da namorada, com a sogra e etc.

4)      Tendência a fantasias constantes chegando a perder a noção da realidade

Fantasiam o tempo todo. Com todos. Qualquer mulher ou homem que desperte algo, este será um alvo.

5)      Culpa

Pessoas com compulsão sexual sentem culpa por não conseguirem se controlar. Procuram ajuda, fazem terapia, muitas vezes até tomam medicamentos para controlar a libido, porém o processo de cura é bem complexo.

A grande maioria casa mais de uma vez, pois seus deslizes, por serem constantes são descobertos.

Alguns chegam a entrar em depressão profunda por não conseguirem conter seus próprios impulsos.

Essa é a grande questão. Até onde vai a compulsão incontrolável e a canalhice, ou seja, um desvio de caráter. Tenho lá minhas dúvidas. Uma pesquisa realizada nos EUA utilizou o teste P300 (O P300 é um instrumento de investigação do processamento da informação (codificação, seleção, memória e tomada de decisão) e permite avaliar a atividade cortical envolvida nas habilidades de discriminação, integração e atenção do cérebro.), ou seja, o mesmo teste efetuado em viciados em drogas, onde algumas regiões do cérebro de um viciado são acionadas quando imagens relacionadas aos narcóticos ou pessoas fazendo uso são mostradas. Sabe o que é interessante? Esse mesmo teste quando aplicado em pessoas que se diziam com Compulsão sexual, não demonstrou o acionamento dessas áreas cerebrais, o que descartou essa doença como sendo “vício”.

Meu intuito com esse texto é apenas alertá-las para esse tipo de comportamento que ocorre num número infinitamente maior em homens do que em mulheres. Um homem que comete dentro de um relacionamento algumas traições e com parceiras fixas, ou seja, onde existe um envolvimento emocional, não é compulsão, mas sim canalhice. Mas até que ponto podemos considerar compulsão, pelo comportamento em questão, conceber que pessoas próximas sejam envolvidas (sogra, irmã, prima, cunhada, enteada, colegas de trabalho) e até desconhecidas, sem critério, sem vínculos afetivos até com a própria esposa ou namorada? Até que ponto podemos considerar doença? Até que ponto não seria um desvio de personalidade e caráter? Será que essa falta de vínculos afetivos, de sentimento não caracterizaria um grau de psicopatia? Tenho lá minhas dúvidas. Como comentei no início, ainda não me sinto convencida. Faço um acompanhamento hoje de sete homens diagnosticados com compulsão, trazidos a mim por suas próprias esposas, na esperança que estes consigam dominar suas mentes. Um deles que já está comigo há quatro meses, diminuiu drasticamente seus “deslizes”, porém é uma luta constante.

Se alguma médica ou psicóloga quiser se manifestar e eu sei que têm várias aqui no site, ficaria muito agradecida. Ou mulheres que tenham passado por algo parecido com seus parceiros ou que desconfiem de algo do tipo, também serão muito bem vindas nos comentários.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Mulher Cafa tem classe
abr 8th, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Minha nega até para brigar temos que ter classe nessa vida. Até para dizer um palavrão! Até para mandar alguém pra aquele lugar! Sim, pois dá prazer na boca quando algum desavisado resolve que vai pegar a sua cara para fazer gracinha aos outros. Aliás, diga-se de passagem, é fundamental saber ser grossa no momento certo. Mulher cafa tem que saber ser grossa!

Mas esse ser grossa, esse estar no momento certo na hora certa, serve para tudo. Das pessoas a sua volta ao queridão. Afinal, homem parece estar o tempo todo nos testando, vendo até que ponto vai nossa paciência. É impressionante. Entra ano e sai ano e quando você vê, lá está ele novamente testando seus limites.

Eu costumo sair pela tangente quando isso começa a acontecer. E o que é sair pela tangente? É ignorar. Não dar importância. Não dar foco nesse tipo de comportamento. Agora obviamente se a coisa começa a ficar insustentável, ao ponto de desrespeito ou mesmo grosseria, não penso duas vezes para me defender.

E eu fico tão em mim, que as palavras saem naturalmente. Eu não preciso fazer força. Não preciso me forçar a nada. Até lembrar a existência da progenitora do infeliz sai com classe. Até mandar para onde Judas perdeu as botas fica “bonitinho”. Porque a energia nociva do outro, do mesmo modo que vem, volta. E a resposta é tão rápida, que sinto como se minha boca fosse uma raquete de tênis. A bolinha vem e eu rebato.

Mas será que eu sempre fui assim? Claro que não! Já ouvi muita abobrinha calada. Já deixei que pessoas totalmente desqualificadas e medíocres dissessem o que quisessem e ainda não conseguia nem ao menos me defender.

“Ah, mas e se for um chefe?”

Bom, primeiro que quando temos essa energia de comprometimento conosco, some quem vem fazer graça no teu ambiente. As pessoas ficam com medo (risos). Já pensam logo: “Xiiii, aquela lá é louca. Escreveu não leu pau comeu.”

É engraçado isso gente! Some! Quando você fica pronta para mandar qualquer um fazer uma visita ao buraco negro mais próximo de nossa galáxia, some tudo! Não aparece ninguém.

Não me esqueço do dia em que mandei um colega de trabalho que estava querendo ser engraçado as minhas custas lá pra aquele lugar. Foi memorável essa cena. E fiz isso na frente de quase trezentas pessoas. Mas a frase saiu tão entoada.  Tão espontânea, que não houve quem não tivesse caído na gargalhada.

Alguns meses depois fizeram um concurso na empresa para eleger o homem e a mulher mais bonitos e elegantes. Advinha quem ganhou? Euzinha aqui! Elegante? Pois é! Mesmo mandando o colega lá para o centro do buraco negro? Exatamente!

E esse mesmo colega quando saiu de férias, no retorno ainda trouxe-me vários presentes (risos). Acho que ele gostou da minha sugestão (risos).

Não estou aqui dizendo que é para você ir mandar o Chefe para a “casa do chapéu”. Por favor, hein! Existem formas e formas de se neutralizar uma pessoa. Uma vez fiz um chefe ser demitido de tanto que infernizei a vida do infeliz. Mas a tortura psicológica que fiz com ele foi tão grande, que foi ele quem me mandou para aquele lugar, na frente de um dos diretores. Obviamente, ele foi demitido no mesmo dia. E eu ainda fiz aquela cara de “nossa que horror o que ele fez.” (risos). Logo com quem ele foi se meter?

Mas o eu quero mesmo é que você aprenda a se colocar. Colocar-me onde? Colocar-se dentro de você! Encaixar-se. Tomar posse de si. Ou você prefere ficar a mercê de qualquer maluco que cruzar seu caminho?

Siga-me no twitter: @menruntoyou

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

Solte seu problema ao Universo – Em Áudio – Lançamento
abr 7th, 2014 by admin

Ele consegue me fazer sentir culpada
abr 4th, 2014 by admin

HomemComprarIISaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Tenho visto uma coisa que anda me incomodando bastante: Mulheres sentindo-se culpadas por algo que nem fizeram. Humilhando-se para homens que mesmo aprontando horrores conseguem de alguma forma torcer a situação e saírem de vítimas e as mulheres vilãs.

Obviamente isso só acontece porque elas deixam, se sentem fracas, impotentes, frágeis e sozinhas. Mas não são! Força, fibra, garra elas tem. Mas onde foi parar?

Isso já aconteceu com você? Você já estava com a razão na questão e saiu de lá com a sensação de que você era patética? Já saiu com a sensação de que você é louca?

Acho que todas já passaram por isso.

Chamo isso de covardia. Homens covardes. Pois ao invés de enfrentarem a situação de cara lavada, preferem desviar o assunto latindo, culpando, rosnando, mordendo, com a única intenção de tirarem o foco da atenção de seus próprios erros.

Ontem mesmo estava ouvindo uma conversa na fila de frios do supermercado, onde uma moça dizia a amiga: “Sabe eu peguei meu namorado conversando com a ex dele, mas a culpa é minha então pedi desculpas a ele.”

Como? Como é que é?

Então ele mente, trai, fica de conversinha com a ex, e é ela quem pede desculpas? O que foi que eu perdi?

E ela continuou a falar: “É que eu sou grossa com ele, então a culpa foi minha mesmo dele ter feito isso.”

Tive uma vontade enorme de jogar uma caixa de ovos na cabeça dela, pra ver se ela acordava. É obvio que ela está sendo enrolada.

Mas tem mais: “Ai no meio da conversa, mesmo eu voltando atrás, pedindo desculpas, e dizendo a ele que não seria mais grossa, ele disse que não dava mais. Eu tenho ligado o dia todo, todos esses dias, já fui até a casa dele, já perdi perdão mais de dez vezes e ele nem quer me ver. Nem falar comigo ele quer”

Socorro! O que eu faço com uma criatura dessas?!

Já sei! Você está lembrando-se de você né? (risos)

Porque você deixou isso acontecer? Porque você permitiu que ele invertesse o jogo desse jeito? Você não significa nada pra você? O que você sente, suas impressões, sua visão não tem valor algum? Só o que ele acha que importa? Mesmo que esse “acha” seja o maior absurdo desse mundo?

Não gente! Está tudo errado! Enquanto continuarmos permitindo esse tipo de situação macabra em nossas vidas, esse país não vai mudar. Digo país, porque sinto muito “homens, mas são as mulheres que pilotam esse avião. Somos nós o óleo dessa engrenagem.

E então o que vai ser? Continuará permitindo esse tipo de coisa com você? Vai continuar deixando suas impressões de lado, para acatar o que um terceiro diz?

Chega! Diga não! Diga a verdade! Seja honesta com você mesma! Se machucou , se doeu, é porque o outro está fazendo cretinice com você e é você quem está permitindo.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

Fiqueporcimacomprar

 

 

 

 

Princípio da Unicidade
abr 3rd, 2014 by admin

HomemComprarIISaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Hoje desejo falar sobre um dos pilares das leis do universo chamado de Princípio da Unicidade.

Esse princípio diz que tudo é único na natureza. Observe as árvores. Existe uma árvore igual a outra? E as folhas de uma árvore? Existem duas folhas iguais? E dois grãos de areia? E duas pessoas?

“Ah Fernanda, mas os cientistas fizeram a ovelha Dolly”.

Nem ela! Os cientistas clonaram a ovelha, porém num determinado momento do tempo, a ovelha clonada começou a se deformar. Sabiam? E porque será que isso começou a acontecer? Porque o princípio primordial da natureza é a unicidade dos seres. Ou seja, a própria natureza se encarregou de executar transformações para que aquele indivíduo ficasse diferente.

Isso não é extraordinário? Olhe a riqueza a sua volta! Olhe para dentro de você mesma e note que até uma célula não é igual a outra, nem o fio de cabelo, nem um lado do rosto é igual ao outro.

Então somos seres únicos nesse universo? Somos! E não tem ninguém igual a mim? Não! Então sou exclusiva? Que chique isso! Ai a mulherada bota peito, pra ficar com o peito igual a da outra (risos). Ok! Eu confesso! Sou doida por um silicone. Mas não coloquei. Dá pra dar uma enganada boa (risos). Ainda bem que só existe uma Angelina (Jolie). Um ser daquele eu já acho insuportável imaginem duas! Ah mas eu tenho uma coisa que ela não tem. Traseiro.  I’m sorry Angelina.  Mas o meu é mais bonito. E é único! Por mais que Angelina tente colocar um silicone para deixar igual ao meu, não vai ficar igual. Never! Estou americana hoje (risos).

Agora vem a parte complicada da história.

Esse “único” ser que eu sou está sempre se modificando. Tudo se modifica no meu interno, o que faz modificar o meu externo. E todos os meus “Eus” do passado, mais o que sou no presente e todos os meus “Eus” do futuro, como ser eterno, nunca se repetirão. O que significa dizer que todas as variações do meu “eu” nunca serão iguais as variações de “eu” dos outros.

Momento para a aspirina………………………………………………………………………………………….

É eu sei. Complicado o entendimento. Dá um nó assim na cabeça. Mas também não é uma coisa fantástica? Eu fico maravilhada com essa inteligência toda!

Além disso, todos esses seres únicos estão interligados pela mente coletiva. Ou seja, vossa mente está ligada com as mentes dos outros seres únicos, compartilhando pensamentos, ideias, medos, invenções e etc. E ainda esses seres únicos se comunicam energeticamente!

O aparelho desses seres únicos é capaz ainda de detectar todas as informações as quais necessitam saber, apenas utilizando seus corpos anímicos (leões).

É muito louco isso, não é? Olha quanta coisa passava até então despercebida em sua realidade!

Então para finalizar o entendimento desse princípio, vamos fixar isso bem: Olhe para você no passado. Você é a mesma de dez anos atrás? Ou você já é outra? Claro que é outra. Você nem reconhece mais aquela com aquela saia e aquele sapato estranho. E você acha que daqui mais dez anos você será essa que está lendo esse texto hoje? Claro que não! A conta do botox estará mais alta, isso eu garanto! Mas além do físico, você por dentro será outra. Essa que está aqui lendo esse texto já era. Já foi!

Tudo bem! Agora que eu fiz bastante rolo na sua cabeça, vou deixá-la com seus pensamentos, refletindo sobre esse princípio e observando tudo a sua volta. Saia dessa visão limitada que você tem hoje. Visualize a máxima inteligência da natureza, do universo e toda sua força ilimitada para proceder a verdadeiros milagres em nossa realidade.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

Fiqueporcimacomprar

 

 

 

 

Relacionamento é igual jogo de xadrez
abr 2nd, 2014 by admin

HomemComprarIISaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

Ontem eu disse isso a duas meninas que conversei pelo skype. O relacionamento é igual jogo de xadrez. Quando um jogador executa uma jogada a próxima a ser executada é do adversário.

E o que significa isso? O que estou tentando dizer com isso? Que se você ligou pra ele, ou mandou uma mensagem seja por sms, e-mail ou rede social, você já fez sua jogada. Você não pode fazer duas jogadas juntas. Se você já fez algo, ele já entendeu. Ele é homem, mas não é burro. Ok! Concordo que alguns até são meio lerdos e lesados, mas eles conseguem perceber perfeitamente sua intenção. Até os mais novos! Até os mais inexperientes sabem! Acho que alguém os treinou antes do nascimento! O diabo talvez! Acho que o diabo tem duas turmas! Uma turma para as mães e outra para os homens (Mamãe te amo!).

A grande maioria das mulheres comete o erro clássico de fazer o trabalho que é do homem. Desde que o mundo é mundo, os homens tem a função da caça. Em outras palavras, os homens tem a intenção da conquista, eles amam sentir que estão conquistando pouco a pouco, que aquela mulher até então inacessível está aos poucos (eu disse aos poucos) começando a gostar dele. Isso pra eles é a glória!

Mas o que você faz? Conta pra titia? Você não quer esperar! Você pula na frente! Você faz o trabalho dele! E então ele se desmotiva. E de repente o que pra ele era tão excitante, começa a ficar sem graça e a presença do cidadão então começa a rarear. E porque isso aconteceu? Porque você não respeitou o jogo.

E a velocidade? Isso é enlouquecedor para qualquer mulher. Como homem é lerdo! Gente! Não….vamos falar sério aqui. Oh raça lenta! Eles têm uma calma, uma tranquilidade, fora do normal. Eu invejo os homens nesse sentido. Para tomar uma atitude, eles primeiro pensam, depois saem para tomar um chope com os amigos, depois vão jogar um futebol, depois pensam mais um pouco, assistem os gols da rodada, pensam por mais cinco minutos, assistem aos comentários daqueles cinco ou seis homens que ficam discutindo o porquê dos porquês da bola não ter entrado na rede e do gol memorável do ano de 1325 antes de Cristo.  Ah gente! Isso é de matar! Uma mulher na TPM se pegar um criatura dessas pela frente, estraçalha!

Mas acredito que a essência do que estou falando aqui, você pegou, não pegou? Não adianta e não precisa enviar três mensagens seguidas. Ele já entendeu na primeira! Não precisa ligar quatro vezes em horários diferentes. Ele já viu sua ligação na primeira tentativa. Afinal, o celular (telemóvel) possui identificador de chamadas, possui memória de ligação, mesmo que este esteja desligado.

“Ah, mas então se ele me convidou para sair e foi ótimo, significa que eu posso convidar na próxima vez?”

Não demônia!  Não pode!

“Ah, mas você não falou que é um jogo e que se ele fez uma jogada então tenho que fazer a próxima?”

Mas você já jogou!!!

“Joguei?”

Sim! Jogou quando você aceitou sair com ele e saiu. Você já jogou.!

Sossega a periquita criatura! Seja forte! Mas não forte com os outros, mas sim com você mesma. Olhe-se no espelho e tenha orgulho de quem você é. Deite a cabeça no travesseiro e durma o sono dos justos. Justos? Sim! Justo com você! Só com você! Comporte-se de uma forma que tenhas orgulho de você mesma. Para ser bonitinha para os outros? Não! Apenas para que você se sinta bem em sua própria pele.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

Fiqueporcimacomprar

 

 

 

 

Solte seu problema ao Universo – Pré-Lançamento – Em Áudio
abr 1st, 2014 by admin

SaberDizerNaoComprarSolteLançamentoConsultoriaComprar

Sempre que percebo uma dificuldade coletiva, faço um áudio, assim já ajudo todo mundo de uma única vez. É quase uma terapia em massa (risos).  Brincadeiras a parte, eu sei que ajuda, principalmente quando ficamos mais próximas nas ideias contidas no áudio.

Dessa vez eu vou falar de um tema primordial e que eu sei que é o maior foco de dificuldade da grande maioria, principalmente aquelas mais ansiosas, agoniadas e malucas, ou seja, everybody (risos)! O tema é Solte seu problema ao Universo.

Ah nós mulheres queremos tudo para já, agora, imediatamente. Queremos mentalizar e em cinco minutos tudo estar conforme imaginamos. E os nossos problemas? Alguém tem que dar conta. Deus, Buda, Exu ou Pomba Gira, sei lá, mas alguém que pegue aí a minha questão e desenrole, porque eu estou surtando (risos).  Não é assim mesmo? (risos).

E dá pra ser rápido? Dá! Claro que dá! Mas a entrega tem que ser de 100%. Não adianta dizer que confia, que acha as leis do universo o máximo, se você fica com um olho aberto e outro fechado. Confia desconfiando? Não funciona!

Você se desvaloriza como pessoa, como ser humano, como mulher, como profissional, passa por cima de você, não consegue nem ao menos dizer sim e não dentro de você e ainda acha que o problema está com o Universo?

“Ah Fernanda, mas eu estou fazendo tudo certo e minha vida está uma catástrofe.”

É simples! Diga-me como anda tua vida que te direi se você está mesmo fazendo tudo certo. Diga-me se sua vida é abundante ou se falta tudo, que te direi no que você anda crendo. Diga-me o que anda aparecendo em sua vida, que te direi onde está o foco de sua atenção.

Se sua vida vai de mal a pior, não existe alternativa a não ser que você está focando lá dentro de você em coisa que não deveria. Na cabeça você tem claro o que deseja, porém lá dentro você nem titubeia, quando o assunto é se anular pelos outros, é passar por cima de você igual rolo compressor.

Ah não minha gente! Chega! Vamos aprender a soltar as questões que lhe aprisionam e bloqueiam a sua vida. Vamos dar a César o que é de César. Vamos dar ao Universo o trabalho que é dele, ou seja, os tais 90%! Você nos seus 10% não faz tudo. Por quê? Porque sua visão, essa que você tem ai nos dois olhos e na mente consciente é totalmente limitada. Ela está focada no agora, em sensações e crenças aprendidas, como se fosse um programa de computador instalado. O Universo não! O Universo tem todos os mecanismos para tornar aquilo que você quer realidade. E ele age e orquestra os acontecimentos, as pessoas, as situações de uma forma tão única, tão perfeita, que quando você acha que é “aqui”, na verdade é “ali”. Quando você está chorando por um babaca, o Universo está tentando mostrá-la que até Brad (Pitt, aquele da Angelina) pode adentrar em sua vida.

Se jogue nos braços do Universo assim como um bebê se joga de olhos fechados no colo de sua mãe.

Aprenda de uma vez por todas que sua mente consciente não é VOCÊ! Vamos aprender a separar as coisas, vamos aprender a colocar cada aparelho seu em seu devido lugar. Cada um no seu quadrado minha gente!

Vamos juntas!!!

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

Fiqueporcimacomprar

HomemComprarII

 

 

 

 

SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
»  Substance:WordPress   »  Style:Ahren Ahimsa
© Todos os direitos reservados