Seja bem-vindo ao novo Fazer um Homem Correr Atrás!

Sobre Mulheres com filhos – Em Áudio

Cafa_Autoestima_Comprar4



ATENÇÃO:  Acesse diretamente o site www,mulhercafa.com.br e clique no botão “Matricule-se”. Efetue o pagamento pelo Pagseguro e tenha acesso imediato ao áudio.

Falamos muito sobre homens separados e com filhos. Mas e quando é a mulher que já possui uma família, filhos e o pacote completo?

Clique aqui para ouvir

 

Atenção: Meu Instagram para quem perguntou é Maria Fernanda Amaral (fernandaamaralbrag)

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

 

Posts relacionados

  1. Luciahelena20, 15 de junho de 2016 - 19:55

    Onde faz pra abraçar a chis? Eu engravidei aos 15 anos hoje minha filha tem 3 anos e meio o pai dela não quis assumir quem disse que eu parei minha vida? Quem disse que não aparece uma pessoa boa que ama criança? Aparece sim! Meu namorado ama minha filha ela chama ele de pai e tá tudo bem tudo bom! Pra que ter preocupação?

  2. Aninha, 15 de junho de 2016 - 20:38

    Fe
    Já que vc esta sendo tao especifica nos audios, faz um para homens com problema no pinto!!!
    a)Se o cara tem problema pq se aproxima da mulher?
    b)eles sempre são fofos e mandam presentes?
    c)sempre que chega na hora H somem
    Explica o padrão de comportamento para nós…
    bjo
    Sou sua aluna é sigo a risca tudo….

  3. Finalmente CAFA, 15 de junho de 2016 - 20:40

    MEU DEPOIMENTO:

    Fer, meninas, hoje finalmente vim dar meu depoimento graças a esse site e a essa mulher poderosa que me ajudou e muito!

    Estava com o gumer a 8 anos e de tanto eu ser geléia, adora-lo, paparica-lo, aceitar qualquer coisa, ser boazinha, compreensiva… ele se tornou muito seguro de meus sentimentos e terminou comigo depois de uma briga boba. Sorte que eu já conhecia o site e mergulhei nas dicas da Fer. Aceitei o término (querendo morrer por dentro), depois desse dia interrompi qualquer contato, sumi do celular, facebook, instagram, whatsapp. Vivi meus piores dias, chorei sozinha, quando entrava em desespero vinha pro site e lia TUDO desde o ínicio e ficava melhor, comprei audios que me ajudaram demais. Depois de uns dias ele começou a ter contato com minha irmã querendo saber de mim e tentou alguns contatos comigo sem sucesso. Depois de 1 mes de término e sem contato da minha parte, aceitei falar com ele como amiga… Mas conversavamos e ele sumia. Então interrompi o contato novamente por mais um mês. Até que um dia pela manhã acordo com uma ligação dele dizendo que me amava, que tinha se arrependido da decisão dele e que faria de tudo por mim pra eu ser dele novamente. Conversei com ele e aceitei que ele me reconquistasse mas coloquei uma Condição: Que ele excluísse toda galinhagem do facebook dele, instagram que aí então eu voltaria a ter contato com ele por esses meios e quem sabe aceitaria a reconciliação, porque eu era única e só aceitaria ser tratada como tal. Ele titubeou na hora! Disse que era pra voltarmos com calma, que ele excluiria mas quando convesassemos pessoalmente. Ali eu já vi vi que ele tava querendo me enrolar e não dei chance pra isso! Não respondi e interrompi o contato DENOVO e ele também não me procurou por 20 dias. Nesse tempo conversou com minha irmã e disse que ele quis voltar comigo mas eu dificultei demais e que agora ele não queria mais, que ia me deixar livre pra ser feliz com outra pessoa. Passei o INFERNO sozinha novamente mas não o procurei e bloqueei ele de tudo menos do instagram. Afinal ele que assistisse o que perdeu de camarote. Tratei de voltar pras redes sociais a todo vapor, fiquei LINDA, postei fotos maravilhosas, fui pra balada, começou a aparecer muitos homens no meu instagram elogiando, fiz amigos gatos e um dia abro o instagram dele e vejo uma indireta mal criada pra mim (do tipo, voce um dia vai voltar e eu não vou te querer mais) hahahaha Quando li isso vi que tava fazendo efeito. Ignorei a indireta lindamente e um dia antes do dia dos namorados coloquei meus instagram privado pra deixar ele com a pulga atras da orelha! Eis que um dia depois do dia dos namorados recebo outra bíblia dele, dessa vez no direct do instagram (pq bloqueei ele de tudo), dizendo que se arrependeu, que errou denovo comigo e que se pudesse faria tudo diferente e que o dia dos namorados pra ele foi péssimo. Só respondi assim “Você teve chances de fazer diferente e jogou fora. Agora já era”.

    Ele respondeu, eu ignorei, ele me ligou eu ignorei, até que ele me fala “Eu quero você pra mim denovo, eu te amo demais, chega disso! Eu mudo o que for preciso, eu deleto facebook, instagram, whatsapp, caso contigo, FAÇO O QUE VOCÊ QUISER, MUDO O QUE VOCÊ MANDAR, mas por favor me aceita de volta”

    E é isso meninas! Depois de sentar no meu trono de RAINHA e não sair lá de cima por nada, bater o pé no que eu queria, não ceder, não me humilhar, agora vou expor tudo o que eu quero e ele vai fazer! Aí então vou dar a ele a honra de voltar a ser meu namorado. Pq agora pra conseguir me ter do lado tem que fazer por merecer!

    Foi doído? Foi. Chorei? Demais. Mas a dor de perder a dignidade é muito pior e a sensação de se sentir uma mulher poderosa vale mais que TUDO!

    Obrigada por tudo Fer!

    • Kiara, 16 de junho de 2016 - 10:43

      Me emocionei com seu depoimento…ao ver que outras meninas adquirem essa força, esse autocontrole, me faz ter fé mais ainda nas leis das cafas.

    • Robertinha, 17 de junho de 2016 - 18:31

      Finalmente CAFA: Aplaudindo em pé!!!!! Beijos!

  4. Xxx, 15 de junho de 2016 - 20:55

    Poxa, Fer, que peso você tirou do meu coração. Eu fico triste, porque por incrível que pareça, eu já sabia de tudo isso, mas não validava pq precisava ouvir de outra boquinha, e é isso que tô tentando mudar a princípio, minha confiança em mim mesma. Eu tenho uma filha que vai completar três anos agora, eu tenho vinte e um e esse áudio me esclareceu muita coisa, muitíssimo obrigada, te amoooo

  5. Paula Pereira, 15 de junho de 2016 - 21:01

    Arrasou!

  6. TAYLORE, 15 de junho de 2016 - 21:08

    CONTINUAÇÃO:
    Nunca vi ele encarando homens,nunca percebi troca de olhares. Aliáis ele olha p mulheres vez ou outra pego uma olhadinha mas nunca descobri nada de traição ou desrespeito dele comigo.Qndo estamos só eu e ele,ele me faz lanchinhos e jantares,cozinha p mim e qndo estamos na casa da mãe dele o tratamento aumenta toda hr me dá algo na mão,água,beijo,comida.Outra coisa,ele cultiva um tipo de flores e tem 2 amigos gays que vez outra conversam sobre o assunto ja fui com ele em uma exposição e la ele me apresentou esses dois amigos.Quero sair dessa dúvida pq quando penso nisso na possibilidade de ele ser gay aos 39 anos que namora e vai casar com mulher ,o que de pior me acontece é vibrar uma energia péssima…ME AJUDE.

  7. Lindinha, 15 de junho de 2016 - 23:23

    Como superar agressão do marido após surto violento na frente dos filhos?

  8. Dani, 16 de junho de 2016 - 3:54

    Oi Fê, queria te fazer uma pergunta…
    Qd vc sente algo dentro do seu coração em relação à uma pessoa que você não está mais junto, tipo um sentimento forte de interligação, como vc diferencia se isto é apenas coisa da sua cabeça ou se de fato tem uma frequência energética ligando os dois?

    Obrigada
    Dani

  9. Claudia, 16 de junho de 2016 - 10:56

    Finalmente CAFA!!!!!
    AMEI SEU DEPOIMENTO!!!!
    Você me AJUDOOOOUUUU!!!
    Muito obrigada!!!!
    Beijos

  10. Cris, 16 de junho de 2016 - 21:07

    Obrigada Fernanda! Você está sempre em minhas orações. Você tem o poder da fala e o poder de nos fazer enxergar o que é preciso. Parabéns pelo trabalho. O que mais fascina além de suas falas, é a acessibilidade.

    Estou exercitando a Mulher Cafa, chego lá…

    Lúcia Helena, recebo seu abraço com carinho, obrigada pelo incentivo.
    Beijo pra vocês.

  11. Ana, 17 de junho de 2016 - 5:16

    Fê, acho relevante dar meu depoimento aqui: Vivi por 7 anos com um Gumercindo e os 2 últimos nos preparando para ter um bebê, eis que 8 meses depois do menino nascer e 4 meses após mudarmos p um outro estado que não conhecia um ser humano, o estrupicio arrumou uma distinta criatura e nos abandonou. Logo aparecerem um novo Gumercindo que sempre me indagava sobre o destino que eu daria a meu filho para sair com ele… como boa baiana… mandei ele pastar! !! Aí me apareceu um principe bem nos moldes da Disney e já planejava morar com ele… eis que ele me disse a fatídica frase: Nunca tive filhos pq meu tempo e local quem decide sou eu… e não às necessidades de uma criança…Ali vi que a coisa n ia andar…E em uma conversa franca, percebi que meu filho seria um imbróglio para ele…Desisti da relação… E após 6 anos que meu filho nasceu, estamos de mudan ça para Bélgica. Casarei com um ortopedista belga que tem um imenso amor pelo meu filho.
    Ahhhh o pai do meu filho, já me pediu mil perdões e inúmeras juras de amor. hoje ele vive desempregado e as turras com a dita e criando uma filha que todos dizem não ser dele . E eu? desejo vida longa ao casal porque eles se merecem….
    Por isso meninas digo…eu cheguei nesse site há uns 2 anos atrás, completamente fragilizada… Hj me conheço e não aceito nda pouco. ..E descobrir um apito interno, chamado 6o sentido que n erra…Ele sempre nos avisa sobre os perigos ms nós insistimos em permanecer no engano…Meninas foquem em vcs pq todo o resto vem e sempre o melhor pq decidimos que só serve tudo top…Tenham paciência com vcs e tdo dará certo!!!!
    bjs

    • Ci, 18 de junho de 2016 - 1:53

      Ana, que depoimento maravilhoso! Boa sorte, muita luz e muito amor para você, seu novo marido e seu filho! Parabéns pela superaçao! Grande beijo!

  12. Jade, 6 de julho de 2016 - 10:58

    Mlds!!! Eu choro…pq n posso crer nesses homens. Fê, vc eh uma linda mesmo, tá? “Cesta de café da manhã p Deus…”! A melhor! Cris, outro abraço. Me emociona saber que pode de fato, ser diferente. Obrigada, tbm, Finalmente Cafa! Mil bjos, meninas…

  13. Ira, 27 de julho de 2016 - 20:06

    Bom dia Fer!
    Nossa eu me vi na estória da Cris. A diferença é que meu ex marido me deixou quando meu bebê tinha apenas 15 dias. É muito triste isso, também passo mesmo sentimento às vezes, me sinto culpada por ter 3 filhos…

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *