SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
Rika Vírus Aula 5 Especial
jan 9th, 2017 by admin

RikaVirusAula5



 

Essa é uma aula especial. Especial porque tenho uma novidade para te contar.

E se eu te dissesse que todos os seus bloqueios de uma área de sua vida, identificados por você nas Aulas 1 e 2, na verdade possuem uma única origem? Não é infinitamente muito mais fácil resolvermos uma questão do que dez?! Não é mais fácil sabermos que algo foi o estopim para que todos os outros fatos ocorressem? E esses fatos ocorrem por que? Porque você possui crenças, incorretas obviamente, baseadas numa situação específica lá de trás, situação essa que provavelmente você nem se lembra!

Eu sei que você pode dizer: “Ah Fernanda, mas eu identifiquei meu bloqueio! ”.

E eu te digo: Bloqueio é uma coisa. Bloqueio é uma crença incorreta em algo, que lhe impede de conseguir realizar as coisas que são do seu desejo. Mas esses bloqueios não são a origem. Os bloqueios são apenas a consequência desse fato inicial.

E nesse áudio eu falarei sobre isso. Não só na teoria, mas identificaremos a sua situação origem na prática, por meio de um método especifico guiado por mim. Você vai se surpreender quando descobrir, assim como eu também fiquei! Afinal, estamos falando aqui de uma área da memória que chamo de “área escondida”, a qual não a acessamos normalmente. Seu acesso só é executado, quando em algum momento de nossa vida, algo a busca e a partir daí notamos sua “execução” através dos bloqueios, crenças e fatos que começam a ocorrem em nossas vidas.

Como já expliquei em outra oportunidade, comparo nossa vida a uma pizza, onde cada fatia é uma área. Temos a área da saúde, dos relacionamentos, da família, do profissional, do financeiro, do mental, do afetivo e etc. E para cada área dessa existe um fato que ocorreu há muito tempo atrás que nos marcou. Esse fato normalmente não é lembrado com tanta facilidade, afinal nosso mecanismo mental possui artifícios que fazem com que esse “fato” seja varrido para debaixo do tapete. E uma vez varrido, ficará lá por muitos anos, até que algo “start” o processo de bloqueio, justamente para lhe defender de passar novamente pela mesma situação.

E quem conhece essa área, esse fato ocorrido e a defende dele?

Seu leão! Claro! Ele sabe como acessar! Ele sabe perfeitamente do que se trata! Basta que você o peça para lhe contar!

Aí você dirá: “Mas Fernanda, eu nunca nem consegui entrar em contato com meu leão! Quanto mais pedir para que ele me conte algo! ”.

Eu sei que você é controladora (risos). Por você, o sol, a lua, a chuva e o vento seriam controlados por você, na hora e intensidade desejados por vossa majestade, certo? (Risos).

É….talvez eu não fique muito longe de você… (risos).

Talvez ele não lhe conte diretamente no plano mental, mas a induza durante a próxima semana, através de situações vividas no próprio dia a dia, a se recordar “daquele” fato passado. A forma como ele fará isso, não cabe a você. Apenas dê o controle a ele.

E para ajudá-la a entrar em contato com o seu leão, criei um método de relaxamento exclusivo, onde em 23 minutos que poderão ser feitos até mesmo no meio do seu dia, você começará a recuperar esse vínculo perdido, recriando o laço com o que existe de mais poderoso entre seu mecanismo “anímico”, “físico” e “mental”.

Eu sei que entrar em contato com você mesma dá trabalho. E como dá! Eu sei que gostaríamos que tudo se resolvesse num estalar de dedos. Mas o que posso dizer é que cada um é responsável por si. E essa responsabilidade somada ao comprometimento em resolver as coisas dentro de nós mesmas, com todo amor e dedicação, é o que faz toda diferença na prática.

Podemos pagar o maior terapeuta do universo, gastar rios de dinheiro e levar 10 anos até chegar a alguma conclusão. É válido claro, obviamente pra quem tem dinheiro pra gastar. Mas pra quem tem pressa para ser feliz, o negócio é nos voltarmos para dentro da gente e encararmos de uma vez o que precisa ser encarado. Afinal, se existe algo escondido, que está me prejudicando, e que está ao meu alcance revolver, então eu vou resolver! Ah vou! Se depende de mim, então aqui estou, pronta para o bom combate.

Se essa luta é minha, então eu sou a Comandante dessa tropa! E você é a Comandante da sua!

Preparar… Apontar…FOGO!

 

 
 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7 MateaFadaGeleiaComprar

Convivendo com pessoas negativas
jul 14th, 2016 by admin

OsSegredosdaleituradamente



ATENÇÃO:  Acesse diretamente o site www,mulhercafa.com.br e clique no botão “Matricule-se”. Efetue o pagamento pelo Pagseguro e tenha acesso imediato ao áudio.

 

Quem me dera ter nascido na Dinamarca! Ou quem sabe na terra de Alice (no País das Maravilhas). Mas não! Não minha cara! Eu nasci no Brasil! The Carnival Land! The Pizza Land! Maldito estagiário que no momento de meu nascimento, trocou as listas e me colocou na fila errada!

Esse é o país da lamentação. É lindo ter problema! Dizer que tá fudi#$& na vida dá audiência! Experimente dizer no almoço de domingo, entre a coxa do frango e a garfada na macarronada que sua vida está indo muito bem obrigada? Filha, tu serás apedrejada! E se você aparecer então de carro novo na frente daquela tua cunhada? Ela sai dali e vai direto comprar umas velas pretas no maior olho gordo! E que olho hein!

Todo mundo acha lindo ser vítima!

Querem ver o discurso?

“E aí Emengarda? Como vai a vida? ”

Resposta padrão do brasileiro: “Na luta! Lutando de sol a sol! ”

Ah não gente! É sair dali e ir direto pra cama dormir!

E se parar para conversar então? A Emengarda vai detalhar aquela maldita operação, quantos pontos levou, a bactéria que ela pegou na UTI, que quase morreu e que até hoje sofre dos nervos. E ainda se não bastasse, vai contar todas as doenças da família inteira!

Meu conselho? Faça como eu. Dê “oi” de longe e diga que está com feijão no fogo ou com dor de barriga. Dá na mesma.

Detalhe: Eu não cozinho nem água fervida logo, costumo usar com frequência a segunda opção.

E quando a tal pessoa negativa faz parte de nosso convívio?

A mãe querida, doce, singela e “guguliberatoramente” dramática. Com todo respeito ao apresentador, mas sou mais o Silvio que joga dinheiro.

Pausa para a conversa matinal com mamãe:

“A água tá acabando, a lava-jato terá que usar areia no lugar da água, essa tal de “trust” está com o dinheiro do bolsa família e não vai devolver, acabou a caixa de tamarine and the apocalipse is now”.

E o dinheiro? Pula essa parte. Essa você já sabe até as vírgulas.

E o pior? O pior é que você dá ouvidos! Aquilo entra pelas suas “Zorelhas” como apito de um juiz de futebol na decisão da copa das américas e você sai daquela cozinha com cara de chuchu desidratado.

E no trabalho? Lá não tem um pessimista, negativo e desgraçado, mas uma legião deles! Já viram como dramático adora falar? Eles têm essa necessidade oral de externar a miséria. Sabem por quê? Eu já descobri! Porque dramático é sádico! O prazer deles está em despejar a argamassa e ver a vossa cara murchar como uva passa. E eles fazem isso com quem estiver na frente. Pode ser qualquer um! No caso aqui é você!

Vocês acham que eu também não passo por isso? Imaginem que eu atendo um batalhão de gente chorando, reclamando, lamentando, querendo morrer, querendo matar…. Imaginem se eu fosse escutar tudo isso e internalizar as situações? Eu não levantava no dia seguinte!

Gente descrevendo doença, morte, operações, roubos e desgraças de todas as espécies sempre existirão. Vai um e vem outro. Então, qual o jeito que damos?

Não escutamos mais! Desliga! Abstrai!

Por exemplo, tem uma pessoa na minha família que sente prazer em descrever todas as doenças e operações com requintes de detalhe de todos os parentes. Obviamente a família (da outra parte) é gigante, logo tem muito assunto. Eu desligo. A pessoa começou a falar, minha mente vai embora. Eu posso olhar durante duas horas para a cara da pessoa com o pensamento na quinta avenida de Nova Iorque. O pior é que agora, minha mente já aprendeu tão direitinho, que independente do assunto com essa pessoa, eu desligo. Uma vez, desliguei tanto que dormi no telefone enquanto ela falava e fui acordar horas depois.

Agora vou ensinar uma frase extremamente poderosa para o seu leão aprender:

“Eu não tenho nada a ver com isso. ”

Comece a repetir isso mentalmente todas as vezes que estiver passando por algo parecido. Dê de ombros, vá passear na Victoria Secrets do além, coma o Brad Pitt e volte na hora do “tchau e dos dois beijinhos”.

Atenção: Meu Instagram para quem perguntou é Maria Fernanda Amaral (fernandaamaralbrag)

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

 

No drama tudo parece ser maior
mai 19th, 2016 by admin

Cafa_Autoestima_ComprarAula2

 

Qual é o significado do drama em nossa vida? É como se fosse o caldo Knorr, o Sazon, o realçador de sabor. Não é toa que Zezé di camargo e Luciano foram chamados para estrelarem a campanha do Sazon com a trilha sonoro do “É o amorrrrr que mexe com minha cabeça e me deixa assimmmmm…” (não gosto dessa música, muito menos de escutar cabrito berrando…).

Claro! O amor no quesito drama, ou seja, superlativo de sensações e Sazon também no sentido drama, como realçador de sabor! Dupla perfeita! Todo mundo entendeu e pegou o espírito da coisa na hora!

Agora vamos pegar aquela sua situação. Aquela em que fez você chegar até aqui. Veja a carga de drama impregnada em cada pensamento, em cada sensação, em cada lágrima. Se você abrir a porta para o dramalhão ele vem que vem com tudo o que tem direito. Acaba com a sua raça!

E quais são as frases preferidas do drama?

“Nada dá certo pra mim. Eu não tenho jeito. Não tem saída. Eu amo demais Fernanda. Eu não consigo. É muito difícil. Penso em morrer. Até a Suzane (Richthofen) casou menos eu. Por que as leis são assim Fernanda? Não é justo! Ele vai vir atrás Fernanda? …”

E chora…chora…chora…Chora debaixo do chuveiro, chora dirigindo enquanto a chuva cai lá fora e escorre pelo vidro, chora olhando para a tela do computador, chora quando toca aquela música da Shania Twain, chora na cama, chora olhando para o teto da sala e não podia faltar…no banheiro da empresa.

Obviamente se você olhasse com um olhar mais prático e objetivo, o drama não teria lugar. E eu explico o motivo:

1)      Se você é mulher e teu drama se refere a homem, já sabemos decor e salteado que basta olhar o teu passado, pra concluirmos que bastou um simples pinto novo na vida para esquecermos o atual. E em quanto tempo se esquece? Em apenas uma hora, caso o pinto novo seja assim interessante. E não me faça essa cara de “Ai Fernanda credo, não fale assim. Eu sou católica”! Eu te conheço…!!

2)      Mas ele era o amor da minha vida! Novamente, se analisarmos bem, veremos que você teve aí ao menos uns cinco “amor de vida”. Logo, o dramalhão em cima do amor único e forever já caiu por água abaixo.

3)      Se teu drama circula o departamento da aparência física, esqueça. Afinal, recorda-se dos teus últimos ficantes, namorados e afins? Um ou outro se salva, agora tu já pegaste cada criatura esquisita! Então isso não é referência…

4)      E com dinheiro? Vamos pular esse assunto por hora. O que eu posso dizer é que dinheiro passa longe de pessoa dramática. Tire o drama da jogada que ele, o Dinheiro, volta a ser seu amigo.

O que existe na vida são situações e não problemas sem solução!

Quero que a partir de hoje você passe a fazer uma coisa todas as vezes em que perceber que está entrando no drama novamente. Pense assim:

“Tem alguém aqui com um facão na minha barriga pronta para me estripar? ”

É estripar mesmo…de arrancar as tripas…igual Jack…

Eu sei que a pergunta é ridiculamente extrema, mas eu quero que você enxergue quão dramática é sua cabeça, seus pensamentos e seus posicionamentos diante das situações, das pessoas e da vida. Afinal, no drama tudo parece maior do que é!

Não existe essa coisa de que “não tenha saída”. Não existe o que não tenha jeito. Até para a morte tem jeito! Afinal, em algum momento estaremos do outro lado. E se tudo der certo com os meus conchavos astrais, eu estarei num terreiro trabalhando de pomba gira! Pode apostar…

Atenção: Meu Instagram para quem perguntou é Maria Fernanda Amaral (fernandaamaralbrag)

 

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

Você é um belo mosaico
dez 22nd, 2015 by admin

Façaessadorparar

Como fazemos um mosaico? Alguém sabe?

Bom, eu nunca fui muito boa nessa coisa de trabalhos manuais. Lembro-me na infância de só levar bronca na aula de bordado porque eu não conseguia nem enfiar uma linha na agulha. Sim! Acreditem! Eu aqui já fiz aula de bordado. Acho que fazia parte do programa das freiras para nos deixar neuróticas. Coitadinhas! Não! Elas eram uns amores! (risos)

Mas voltando ao nosso assunto….Um mosaico é feito nada mais nada menos do que cacos. Exatamente…cacos. E quando juntamos todos esses cacos, o que acontece? Temos uma linda peça!

Agora olhe pra você.

Com o que você se parece hoje? Com um cacão bem grande, né?! (risos).

Se olhar para trás, ainda verá que por várias vezes, nos parecemos com esses cacos. Seja por motivo de cansaço físico, mental, decepções, desilusões, traições e humilhações.

Se eu já me senti assim?!

Diversas vezes! Acredito que todos nós aqui já nos sentimos assim algumas vezes.

Porém quando vejo no que me transformei, ou seja, no que de fato me dei conta de quem eu era, compreendi que eu não era apenas um caco velho quebrado e cheio de pontas pontiagudas.

Não! Afinal, posso ser um caco, mas um caco com botox, luz pulsada e cremes! (risos).

Mas esse conjunto de caquinhos transformados ao longo da vida, me fizeram ser um mosaico. Quando me olho no espelho, não sou mais aquela…sou outra.

Eu me transformei! Eu descobri qualidades fantásticas que estavam escondidas e que só puderam vir à tona, porque algo fora quebrado. E quebrando um pedacinho de mim, é que pude moldar a peça final.

Final?!

Não…não estou nem perto do final. Ainda estou moldando….

Moldo-me num convite de casamento que recebo, no riso de uma pessoa que chegou aqui chorando, naquela menina que queria comprar um carro e comprou, ou daquela que queria um apartamento e hoje mora nele, ou daquela que curou aquele problema de saúde, do assassinato de uma fada geleia…(risos).

Tudo isso para mim é o meu mosaico. É o meu reflexo no espelho.

Já olhou o seu? Já viu quanta coisa você passou e ainda está aí passando esse gloss Victoria Secrets na boca e saindo com aquele cheiro de framboesa?

Não a visualize como uma peça inacabada, cheia de defeitos, imperfeições e desilusões.

Você é uma obra de arte! É a sua obra! Aquela que você dia a dia apara, lixa, molda, cola e aprimora. Você é a perfeição da beleza única!

Pegue seus caquinhos minha amiga! Aproveite hoje e crie mais uma parte de seu mosaico.

Afinal, ele é só seu e você não o empresta a ninguém.

 

Atenção: Meu Instagram para quem perguntou é Maria Fernanda Amaral (fernandaamaralbrag)

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

Se as nuvens escuras estão cobrindo a luz, aprecie o dia nublado
dez 21st, 2015 by admin

Façaessadorparar

 

Quando uma nuvem carregada, cinza encobrir o sol de seu olhar, apagando aquela luminosidade dourada, clara, alegre, transformando sua visão em dias nublados, aprecie a escuridão. É muitas vezes na falta da luz, da transparência, da claridade que enxergamos o que está bem lá dentro de nós.

Parece muitas vezes, que quanto maior o ruído, quanto mais vozes, ou mais luzes existem, mais difícil fica para nós compreendermos o que precisa ser compreendido.

Quantas vezes eu digo a vocês: “Afaste-se um pouco. Dê um tempo a você. Tente sair um pouco desse olho do furacão e olhe a situação como se fosse uma terceira pessoa. ”

O ato de afastar-se de algo e dar um tempo para nós mesmos, está para a “nuvem escura” encobrindo o sol. Aparentemente parece que assim teremos dificuldade para ver, para compreender, para examinar, mas é justamente o contrário.

Para compreendermos algo que nos acontece, não precisamos de uma lâmpada! Precisamos apenas enxergarmos com os nossos olhos da alma. Quando nos afastamos, voltamos para nosso interior e perguntamos “o que está havendo aqui? ”, estamos iluminando nosso sol.

Não importa o que está acontecendo lá fora. Não importa se injustiças estejam sendo cometidas, se situações estão mais enroladas do que novelo, ou se a guerra ao seu redor esteja firmada.

O que acontece fora na verdade nunca importou.

“Como não Fernanda! Claro que importa! Se ele não vier atrás de mim eu não vou conseguir seguir minha vida. Eu quero! ”

Mentira!

Isso é só sua mente escolhendo um alvo, para desviá-la (o) de algo que de fato importa: Você e seu valor.

Hoje, você acredita que o motivo de seus dias estarem nublados seja Ele.

Para outras, o problema é o Chefe. Outras, o dinheiro.

Mudam-se os problemas, mas a origem é a mesma: Você.

Se você não compreende o que de fato você quer, sente, deseja, anseia, acabará por pular de um problema a outro, de galho em galho, sempre acreditando que precisa disso ou daquilo para ser feliz.

Desde quando o ato de alguém vir atrás mudará sua realidade? O que você ganha com alguém vindo atrás?

Só vale a pena, se essa pessoa de fato for alguém que agregue algo em sua vida! Fora isso, que passe longe! Vir, apenas por vir, não é desejo, não é sonho, não é valor, nem tampouco felicidade! É apenas ilusão!

Quantas mulheres e homens eu vejo aqui sofrendo, apenas porque desejam que alguém que nunca os tratou bem, os procurem novamente!

E procurar pra quê mesmo?!

Apenas para repetir a mesma ladainha que sempre disseram?

Qual vantagem?! Qual mudança isso traz?

Nenhuma!

Se as nuvens escuras estão cobrindo a luz, aprecie o dia nublado. Conforte-se nele. Faça um chá, tome um café, sente-se e pergunte-se: O que eu faço agora comigo?

Atenção: Meu Instagram para quem perguntou é Maria Fernanda Amaral (fernandaamaralbrag)

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

Por que você está passando isso?
dez 18th, 2015 by admin

AulaExtra

Você já se perguntou por que você está passando pelo que está passando? Qual motivo? O que está ocasionando isso?

Clique no link abaixo para ouvir o áudio:

http://site1379521424.hospedagemdesites.ws/wp-content/uploads/2015/12/Audio_18122015.mp3

Atenção: Meu Instagram para quem perguntou é Maria Fernanda Amaral (fernandaamaralbrag)

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

Para quem está sofrendo
out 22nd, 2015 by admin

Euqueromelhorar_Parte1

Eu sei que dói. Dói até em partes do corpo que você nem imaginava que existisse. Vazio? E que vazio! Falta? Muita! Obviamente em primeiro lugar de você mesma, afinal você passou tempo demais se empurrando pra dentro para que um terceiro se sentisse bem e fosse feliz. E você? Sinceramente não sei. Deve estar perdida em algum lugar no meio de seu ser.

Quem já não passou por isso que atire a primeira pedra, não é verdade?

Mas sabe….

Eu abençoo a todos os que de alguma forma me fizeram sofrer. E não digo isso por demagogia não! Falo com sinceridade. Sabem por que?

Porque foi justamente pela vivência dessas situações que eu pude ver o que estava fazendo comigo, para onde estava criando minha realidade e o quanto estava me afastando do que eu realmente queria.

Sabem o que a vida faz para nos mostrar o que fazemos?

Aumenta extraordinariamente um comportamento que temos conosco!

As mais espertinhas, que já sambaram algumas vezes, ou que já vem há uns 1000 anos estudando, já compreendem logo que a tal da Dona Vida está tentando dizer algo muito importante. E então observam a situação de fora, analisando com total sinceridade qual comportamento está causando tais, tais e tais situações e pessoas.

E então podem muito rapidamente ajustar o fluxo da criação.

Vou confessar aqui: Eu não era uma boa aluna. Eu culpava a todos. Culpava o governo. Culpava as freiras da escola católica. Culpava Deus. Culpava…culpava..culpava. Porém eu não olhava para o próprio umbigo e não assumia assim a responsabilidade que eu tinha perante a minha vida.

Demorei tempo demais perdendo tempo com o que não servia, com pessoas que me faziam sofrer, com situações que não conseguia eliminar por pura babaquice de um modelo de perfeição, compaixão e bondade pregado diariamente em nossa cara pela sociedade.

Dizer “não” a quem se gosta para prevalecer a minha vontade? Nem pensar!

Repensar, questionar e analisar se esse tal Deus bipolar que ora tem compaixão ora me Fo$%& de fato existia? Era pecado!

Entender as leis da vida, do universo e assim aplica-las ao meu favor? Não! Não era cristão!

Bonito nesse mudo, o que dá aplauso é o se colocar lá embaixo, é se autodepreciar, é fingir que é “humilde”, que ajuda os pobres, que se deixa de lado para olhar pelo próximo, é fazer campanha criança esperança e aparecer de camisetinha customizada na TV e um quilo e meio de maquiagem, é se empurrar pra dentro fingindo ser algo que nunca foi…

Eu não quero ser Angelina. Eu quero ser feliz. Não preciso virar embaixadora da boa vontade, mas quero ao menos fazer com que as mulheres tomem uma outra posição nesse mundo. Quero relacionamentos iguais, leais, dignos, onde ambos são respeitados, considerados e valorizados.

Quem não me trata como um igual, com dignidade, respeito, consideração e valorização, sinceramente não merece respirar o mesmo ar que o meu.

Merece o seu por acaso?!

Eu sei que a estrada é de terra minha amiga. Eu sei como é difícil. Eu sei que as lágrimas correm sem precisar qualquer esforço. Mas eu sei também que você quer mudança, que você quer uma nova vida e quer se sentir bem.

A estrada é de terra? Tem buracos? Tem lama? Está chovendo?

Tudo bem. Deixe que eu ligo a marcha 4 x4 e vamos em frente no rally da vida.

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

Fase “Puto da Vida”
mai 26th, 2015 by admin

RedeSocial

Alguém já ouviu falar nessa expressão “Puto da Vida”? Acredito que a grande maioria das brasileiras e brasileiros sim. E é justamente dessa fase peculiar masculina que falaremos hoje.

Quando ela acontece?

Todas as vezes que um homem é contrariado. Sim! Em todas às vezes e circunstancias o nenê fica “puto da vida”. Qualquer contrariedade, uma porta que não fecha, um negócio não concretizado, um parafuso que espana, o cabra mergulha na tal fase.

Agora imaginem se é você minha querida que o contraria?

Ele vira um cão raivoso. A grande maioria ou de cara age com indiferença, fazendo até mesmo pouco caso, chegando a proferir palavras duras e frias como se de fato não se importasse com o que está de fato acontecendo ou sai ainda vomitando uma avalanche de sandices num ato inescrupuloso de desespero.

Tudo firula! Tudo pressão barata para que você ceda e continue fazendo o que ele quer.

Todo homem tem um plano de “não plano”. O que significa dizer, que o que ele mais quer é continuar fazendo o que exatamente ele está fazendo com você. Seja saindo sem compromisso, não casando, indo pra balada com os amigos e voltando bêbado, curtindo as fotos alheias nas redes sociais, de conchavo com a ex e etc.

E o que ele costuma dizer diante de uma situação dessas? “Melhor terminarmos. Melhor darmos um tempo. Melhor cada um então seguir seu caminho. Afinal, esse relacionamento não estava bom mesmo. Pense bem no que você está dizendo, pois eu quando tomo uma decisão não volto atrás. Se eu for embora eu não vou voltar. Você é louca.”.

E “aaaaai” de você se falar algo! Ele esbraveja, ameaça, faz pressão, diz que vai mudar de país e nunca mais voltará. E você tonta, com medo e insegura, abaixa a cabeça e aceita. Perfeito! Está perfeito pra ele, não acha?!

O que estou querendo dizer aqui com tudo isso, é que a fase “Puto da Vida” é perfeitamente normal diante de qualquer situação que a coisa saia do controle dessa criatura. Claro que ele vai ameaçar, provocar, tossir e latir. É normal! É esperado!

Mas o que não pode acontecer é você ser fracote, fadinha e medrosa até o fim dos tempos! Isso não! Caso contrário, você nunca terá o que tanto quer. Ele nunca mudará e esse relacionamento continuará um inferno.

A tendência é que após essa tal fase que dura em torno de 15 dias, o cabra amanse. E então você poderá notar que ele mudará de comportamento. A cada momento ele agirá de um jeito, na tentativa de erro e acerto, de dobrá-la.

O pulo do gato aqui está justamente em manter sua postura, sua posição e seu desejo. Se você quer algo, então bata o pé no que você deseja, pois tenho certeza que não é um bicho de sete cabeças. Tenho certeza que é uma coisa simples, honesta e digna.

Não aceite menos, estórias nebulosas, ou meias verdades. Você quer o bolo inteiro! Inclusive a cerejinha e as raspas de chocolate que caem pelo lado!

Ou é do seu jeito ou não é!

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

O que é a dor?
jan 8th, 2015 by admin

A dor funciona como um desfibrilador. Na hora em que é acionado dói, assusta, chacoalha, mas é primordial para fazer nosso coração pulsar novamente. Com a dor é a mesma coisa. Ela é primordial para nos colocar de volta no caminho daquilo que tanto desejamos.

Não quero dizer aqui, que sentir dor seja algo bom, divino, até mesmo um ato heroico, digno de aplausos. Porque vamos dizer o que é verdade, brasileiro adora uma desgraça para aplaudir a dor alheia. Não existe vitória ou glória na dor! Absolutamente!

Mas sem ela, seria impossível para nós humanos, imersos nessa camada densa chamada de “corpo”, compreendermos o que estamos fazendo conosco.

Doeu? Ok! Então diga a você mesma: “Eu entendi. Estou fazendo algo de errado comigo. O que será? Estou pensando algo que me desenvolvem sensações dolorosas? Estou me colocando em uma posição de menos valia? Estou permitindo ser invadida, insultada, pisada ou humilhada? Por quê? Por quem? Como?”

A vida é simples! Nosso corpo é uma máquina perfeita, funcionando na mais perfeita ordem. Ele é tão avançado, que deixa para trás qualquer aparelho tecnológico recém-lançado. É dotado de todos os artifícios capazes de dar-lhes todas as coordenadas às quais necessitam para desenvolverem o que vieram fazer aqui: Dominar a matéria.

Teu corpo a protege, a avisa, a alerta, condensa sua energia, guarda todos os seus “eus” e o permitem que falem todos ao mesmo tempo!

Ninguém veio para cá para sofrer, para resgatar não sei o que do passado. Nada pune ninguém.  Só o que existe é vibração e atração! O resto é trama de novela!

Logo, olhe para sua dor agora. Seja ela qual for! Por qual motivo for! Seja por quem for!

Ela é apenas um indicativo. Uma bússola dizendo: “Presta atenção criatura no que você está fazendo com você. Olhe! Mude a direção! Você está justamente na direção oposta do que você está querendo! Atenção! Acione o estabilizador, pois você entrou em uma turbulência! Saia dela! E arrume esse cabelo que está ridículo! Passe um batom demônia!”.

Por favor, identifique o que sua dor aí dentro quer tanto lhe mostrar. Seja uma boa aluna! Não perca tempo com coisas que a estão tirando do caminho você escolheu lá atrás. Se for uma pessoa, largue essa pessoa. Se for uma situação, saia dela!

Você sempre pode mudar tudo. Fazer tudo diferente. Ser outra pessoa, a partir do segundo seguinte! E pensem o que quiserem, achem o que bem entenderem. Afinal, eles não estão no seu corpo. Seu corpo é seu! Ele já foi habitado por você. Logo, quem sabe de sua vida e o que pode ou não ficar aí, é apenas você.

Opte por você!
********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7ModusComprar

MateaFadaGeleiaComprar

 

Crises da vida
out 22nd, 2014 by admin

Radio1219102014

Tem momentos que tudo parece sombrio. Não vemos perspectivas. Não temos vontades. Não temos ânimo. Os sonhos parecem se perder numa imensidão sem fim. A apatia invade  e temos a sensação que tomaremos sopa de legumes sem sal para sempre.

São crises da vida! Todos nós passamos por isso em um momento ou outro de nossa existência. Sinto nessas ocasiões como se a vida me empurrasse para o caminho certo. Que caminho certo? O meu caminho! Só o meu caminho. Não tem nada a ver com moral, correto,  incorreto, cristão ou político. Mas apenas o meu caminho. Justamente aquele caminho que imaginei antes de vir bater bolsa aqui nesse planeta e torcer para esse time (Santos) que parece empacado.

Veja por exemplo a fase em que se encontra. Note as infinitas dúvidas que pairam sua cabeça e a fazem pensar. Coisa que você nunca fez! Não! Não fez! Você sabe que até então viveu no piloto automático, acreditando como um fantoche terreno que você era obra de uma vontade externa que a punia ou a cobria de bênçãos. Você nunca parou para pensar que tudo era você. Sempre foi você e vai continuar sendo.

E não adianta ficar brava comigo! Não fui eu quem inventou essas leis. Elas simplesmente estão ai e fazem parte da física, da química, da natureza, da diversidade e da imensidão espetacular do céu.

Mas o que eu quero verdadeiramente com esse texto é tocar seu coração por um momento. Tocar com minha amizade e com todo meu amor esse coração que hoje está se sentindo acuado, machucado e faltando alguns pedaços. E como por um passe de mágica restaurá-lo.

Sendo assim, quero fazer uma coisa diferente hoje:

Vamos combinar uma coisa?! Vamos fazer uma experiência?

Hoje às 13h00 (cuidado que estamos no horário de verão) horário de Brasília (16h00 Angola e Portugal) eu gostaria que você parasse suas atividades por exatos sete minutos. Se for preciso vá até a copa da empresa, banheiro, qualquer lugar onde possa ficar tranquila e em silêncio. Ou ao menos sem interrupções.

Eu quero que você mentalize o globo terrestre. E nesse globo pequenos pontos de luz ao redor do mundo de pessoas que estarão nesse exato momento na mesma intenção vibracional que você.

O que eu aprontei foi uma “combinação” astral com certas forças que irão tocá-la energeticamente exatamente nesse horário. Não fique se perguntando o que é, como será, ou se você verá algo. Apenas quero que você sinta. Respire fundo durante sete minutos e sinta. Apenas pelo ato de sentir. Veja, teremos muitas pessoas nesse exato momento na mesma intenção vibracional que a sua. E nessa experiência quero trazer um momento de alívio, cura e conforto para quem está com o coração apertado.

Tente não contextualizar nosso encontro. Não racionalize. Eu quero que você sinta, aproveite essas forças e deixe-os sem resistência fazer o trabalho que eles sabem tão bem e o fazem com tanta perfeição.

Não pense em religião, mecanismos, lendas ou medos. Estamos aqui falando de energia, de restauração, mas acima de tudo de um ato de amor. Amor coletivo! E quando um ato é colocado na coletividade e no mesmo horário o poder é muito maior.

Então está combinado? As 13h00 eu quero que apenas você feche seus olhos, imagine o globo terrestre acendendo vários pequenos pontos de luz (que são todas as pessoas mentalizando no mesmo momento que você) por um minuto. Em seguida respire fundo. E então comece a sentir em seu corpo físico o toque energético do amor, da cura e do conforto. Relaxe a mente. Pense apenas em uma forte luz azul clara que a toca envolve todo o seu corpo. Permita que essa luz, essa força faça o trabalho que hoje você não consegue fazer.

Ao final dos sete minutos agradeça com todo seu coração por esse trabalho realizado e por poder compartilhar com todas nós um momento tão importante.

Eu quero você bem novamente!

********************

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

Em que momento você apagou sua luz
jul 8th, 2014 by admin

Problemas e situações desagradáveis acontecem? Aos montes! Pessoas que odiamos e somos obrigadas muitas vezes a conviver? É igual banana, vem de penca! São namorados que nos decepcionam, são situações que nos jogam lá para baixo, são pessoas que destroem nossa autoestima e por aí.

Mas será que o que acontece em volta de nós tem a capacidade de apagar nossa luz? Ou será que somos nós mesmos que fazemos isso?

A mágoa está ai? Até está! Quanto tempo ela vai ficar? Depende. Não sabemos. Algumas em uma semana já se levantam outras dois anos, ou até mais.

Mas se tudo ocorre fora, se aí dentro você continua sendo você, intacta e intocável, porque você apaga sua luz? Porque você se abandona? Porque você larga tudo?

Claro que bem no começo não temos a vontade de fazer nada mesmo. Nossa única vontade é ficar na cama. Mas depois de um tempo nos parece que tem algo que insiste em nos impulsionar para cima e para frente.

Você acorda pela manhã e aquele maldito passarinho está cantando. O sol continua brilhando. O lixeiro continua passando. O mundo não parou! O Universo continuou se expandindo. E algo dentro de você incomoda, aperta, parecendo dizer “vai…vai…vai…”.

Mas você não quer ir. Você quer ficar. E na cama preferencialmente, toda coberta.

E então você percebe que a única coisa que você tem o controle, é de sua própria vida mesmo. O curso dela para direita ou para esquerda, para cima ou para baixo é seu. Você pilota! Você controla! E você muda a hora que quiser!

Engordou 10 quilos? Emagreceu 12? Desistiu de sua profissão, pois descobriu que odeia o que faz? Não vê qualquer perspectiva de felicidade? A vida perdeu a graça?

Não tem problema! Nada disso é problema! Sua alegria de viver pode voltar a qualquer momento. Imagine “Brad” vindo em sua direção e dizendo “I Love you, please come with me to Beverly Hills”. Ou Príncipe Harry dizendo “Grandma (ele falando para a Rainha) I’m falling love for a Brasilian Woman”. Imaginou? E ai? Qual foi a sensação? Dá uma coisa boa, não é mesmo?

O que comprova que mulher fica infeliz até a página dois. Ou melhor, até outro Cristo aparecer. Se aparece uma “carninha” igual, ou melhor, pronto! Problema resolvido!

O que eu estou querendo dizer é: Retome sua vida, segure as rédeas dela e de seu destino novamente. Deu tudo errado? Ok! Vamos fazer diferente então. Vamos mudar de emprego. Vamos mudar de área. Vamos mudar de homem. Mudar de casa. Mudar de cidade. Mudar de país. Você é a única pessoa que pode fazer alguma coisa por você. Eu posso até falar, explicar e dar o caminho das pedras. Mas o caminhar é só seu. A velocidade de suas passadas, apenas você poderá controlar. Eu sou apenas uma coadjuvante. Alguém que está dizendo que dá sim para mudar tudo. Que dá sim para deixar para trás todo o sofrimento, toda decepção e toda mágoa e criar uma nova estória. Vamos começar?

Siga-me no twitter: @menruntoyou

ProsperidadeComprar

Onde está o seu foco?
mar 7th, 2014 by admin

FiqueporcimacomprarConsultoriaComprar

O que você anda fazendo com sua atenção? Você tem focado em pessoas e pensamentos que trazem seu bem-estar ou em situações que causem angústia, medo e ódio?

É claro que de cara você responderá: “Em coisas boas”. E eu respondo sem titubear: “Mentira”.

Quer ver? Você tem se sentido bem? Tem sentido calma, paz e harmonia em seu corpo? Está sofrendo de alguma doença física? E as pessoas como vem a tratando?

É esse o termômetro! Se você quer saber como anda sua vida, o que anda cultivando e como será seu futuro, comece a observar no que você anda focando, em como está se sentindo e como os outros a estão tratando.

Quer melhorar sua vida? Quer prosperar? Quer ser considerada e respeitada? Quer receber atenção, importância e amor?

Claro que quer! Todos querem! Receber tudo isso é fantástico e nos faz um bem enorme, não é mesmo? E existe uma fórmula para ganhar isso dos outros, ou seja, existe algum mecanismo que faz com que cada um que cruzar seu caminho, lhe dê o melhor? Claro que tem!

Talvez seja algo que você nunca fez para você. Talvez seja algo que você nem sabia que era possível, moralmente correto, ou até mesmo espírita kardecista católico evangélico apostólico romano! Mas trata-se do princípio de tudo. Quem conhece o mecanismo o usa ao seu favor e então extrai o melhor de todos!

Sabe aquela pessoa que é uma verdadeira praga com todos? Sabe? Aquela pessoa que é grossa, estúpida, não faz questão de ser simpática ou amável com ninguém? Mas você reparou que esse mesmo ser, com algumas poucas pessoas, ele só falta se jogar no chão e abanar o rabinho de tão doce que fica?

Porque isso acontece? Porque essa pessoa com a qual esse mesmo ser teve contato, sabe como extrair o melhor dela. Ela sabe que dependendo do posicionamento interno, suas crenças e atenção ao que anda focando, ditará o tratamento dos outros com relação a si.

Eu sei que isso tudo que falei parece bem estranho, mas infelizmente eu já comprovei isso e continuo comprovando na vida de todos que acompanho.

Ou seja, enquanto você está triste, achando que nada presta, que a vida é difícil, que as pessoas são ruins, que você é uma desgraçada, vítima do ambiente, você se olha no espelho e não se reconhece mais, toma banho passa o sabonete e não sente seu corpo, come e não sente o gosto da comida, e o pior: O peito dói, a garganta fecha e o choro vem espontaneamente.

O que é isso? Seu foco! Claro! Você anda focando em tudo menos em você. Você anda prestando atenção em tudo quanto é assunto, mas quando o assunto é “você com você”, o que você faz? Liga a televisão ou o rádio, ou os dois para não se ver. Você se esconde de você mesma. Tem medo de enfrentar você! Olha que coisa louca! Pra bater boca com os outros é contigo mesmo, mas para olhar no fundo dos seus olhos e ter uma conversa franca, sincera e amorosa com você, não dá? Porque você finge que não tem ninguém aí dentro? Porque você finge que se arrependeu de nascer? Daqui a pouco você vai gritar: “Pare o planeta que eu quero descer!”

Se eu estou te dando a chave para mudar essa sua realidade, o que você está esperando para começar já? Chorar a gente chora mesmo! Amaldiçoar a existência humana fazemos todos os dias! Rogar praga no ex ou no atual nos dá prazer! Ok! Concordo! Mas porque, além disso, você não começa aos pouquinhos voltar à atenção a sua vida? Segure de leve em sua mão e vá! Apresente você pra você novamente e perceba a pessoa fantástica que mora aí dentro! Tenha coragem!

Siga-me no twitter: @menruntoyou



 

 

Fique por cima – Pré-Lançamento – Em Áudio
fev 6th, 2014 by admin

 

Como é ficar por cima? Você consegue me explicar? Acredito que não, não é mesmo? Ainda mais você que está tão acostumada há tanto tempo a sempre se colocar para baixo. Olhe as suas atitudes, analise-as, note como em todos os acontecimentos você sempre estava se achando menos! Aí depois não entende o motivo de tanta coisa dar errada! Ora, foi você quem se colocou lá, não foi Deus, nem o Universo, nem “ele”, nem o chefe. Foi você!

Para muita gente que não está acostumada comigo, essa é uma verdade aterradora! Como assim eu sou culpada? Eu sempre me achei à vítima coitada vítima da vida!

Mas a boa notícia é que da mesma forma que você se coloca lá no “rodinho” como “paninho de chão”, você pode sim se colocar lá em cima! Você pode sim se manter acima de tudo e de qualquer acontecimento, intocável, ilesa, sem nenhum arranhão.

Nesse novo áudio, passarei por diversos aspectos de sua vida aos quais você vem se colocando de maneira pequena, menor, inferior. Sim, porque você se inferioriza o tempo todo. Compara-se a todo tempo com os outros, com “ela”, com a vizinha, com a colega e então se joga lá em baixo, sem qualquer cerimônia.

E não me faça esse tipo de “eu não faço isso”, porque faz. Você sabe que faz. Muitas vezes até sem se dar conta que está fazendo, mas está. Você se compara com qualquer porcaria que passa à sua frente, descarta todas as suas conquistas, suas vitórias, seu conhecimento, seu esforço e seu brilho, em detrimento de qualquer coisa que você considere melhor.

Ora, melhor? Pior? Você é você do seu jeito. Mais feminina, menos feminina, o que importa? Você é você e ponto final! Isso não se discute mais a partir de agora.

E com “ele” então! Já reparou como você se coloca lá em baixo na frente dele? Credo! Tenho vontade de te dar um coice quando você age assim. A próxima vez que você começar a se abaixar pra ele, você se lembrará de mim segurando um “pano de chão” e um rodo. Bem a sua frente!

Com quem você aprendeu a ser assim, hein?! Com “ela”? Que eu não vou dizer quem, pois você sabe muito bem! Aquela que a orientou quando criança? Claro, ela fez com a maior boa intenção, mas o tiro saiu pela culatra. Você se tornou uma adulta cheia de medos e inseguranças, acreditando que qualquer desavisada é mais inteligente, bonita, atraente e esperta do que você. Loucura total de sua cabeça!

E então? Qual será a partir de agora? Vai continuar paninho se nivelando por baixo? Ou vai assumir quem você é de verdade e aprender a ficar por cima da carne seca, hein perua?

Se sentir por baixo e para baixo não! Chega!

Lançamento: 10/02/2014

Siga-me no twitter: @menruntoyou

ConsultoriaComprar

 


 

 

A chave principal
dez 16th, 2013 by admin

Recebo diversas mensagens de mulheres que já ouviram os áudios, já entenderam qual é o mecanismo de funcionamento da “criação” do destino, porém estão passando por uma fase tão horrorosa, que o sofrimento acaba dominando a mente e assim impedindo com que coloquem em prática o que ensino aqui.

A pergunta principal é: Como começo a mudar a chave principal de minha energia se estou sofrendo tanto?

Bem, tentarei ser aqui o mais direta possível, para que todas consigam assimilar uma forma fácil de começar a mudar sua própria condição.

Imaginem uma escala de zero a dez, onde zero é o pior nível possível que um ser humano pode estar e dez é a plenitude.

Agora vamos à escala:

Escala 0: Depressão

Escala 1: Tristeza

Escala 2: Auto-abandono

Escala 3: Ódio , Raiva

Escala 4: Vontade de se auto-resgatar, de melhorar, de ficar ao seu lado

Escala 5: Colocar sua vida e suas coisas em primeiro lugar

Escala 6: Gratidão

Escala 7:  Bem-estar

Escala 8: Alegria, contentamento

Escala 9: Felicidade na expectativa da “co-criação”

Escala 10: Paz absoluta

Agora que apresentei a escala a você, pare por um momento e pense: Em qual lugar da escala você se encontra nesse momento?

Note que a depressão é a pior sensação em que um ser humano pode se encontrar e a paz a sensação absoluta. Mas, você não precisa almejar a “paz”, basta com que você consiga chegar na Escala 3 para que o movimento comece a acontecer!

Mas escala 3 Fernanda, você diz que é o ódio!!!

Sim eu respondo! Pois o ódio, a raiva, tira você da depressão, da auto-piedade, do auto-abandono e da tristeza. O ódio a impulsiona a mudar sua condição e procurar formas de melhorar seu estado. Portanto, nem sempre o ódio é um sentimento nocivo. Nesse caso, eu digo: Sinta ódio, tenha sangue nos olhos, porém não fique deprimida!

Mas basta que um leve impulso, uma pequena centelha de se “resgatar”, de juntar o que sobrou de você e se “colar” novamente, o que corresponde a escala 4, para que seu processo de criação de seu destino comece a acontecer.

Até a escala 2 você estava criando coisas ao contrário de seus desejos. Na escala 3 você se revolta com sua situação e com as causas de seu sofrimento e então entra na escala 4. E é então que tudo começa a mudar milagrosamente.

Eu já estive na escala zero um dia em minha vida! E não desejo isso para ninguém! É a pior sensação do mundo! Se você encontra-se nela e chegou aqui nesse texto, fique feliz, pois seu espírito, sua alma, seu eu superior, Deus, seu anjo da guarda a está ajudando a sair disso! E eu não tenho dúvida nenhuma disso!

Siga a escala e procure sentimentos dentro de você que a faça se sentir bem. É só isso que você precisa! É esse seu remédio!

Siga-me no twitter: @menruntoyou

 

SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
»  Substance:WordPress   »  Style:Ahren Ahimsa
© Todos os direitos reservados