SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
Seu Combustível
jun 12th, 2014 by admin

Sabe qual é a trajetória entre seu desejo e sua realização?

Eu explico: Imagine uma viagem que você terá que fazer entre dois pontos, sendo o primeiro onde você se encontra como origem e onde você deseja chegar como destino. Agora imagine que seu estado vibracional é um e no seu destino o estado vibracional seja um pouco diferente de como você se sente hoje frente a alguma coisa? Imaginou?

Ótimo!

Agora pense nessa viagem que você terá que fazer. Pense que você precisa entrar no carro e dirigir horas até chegar ao seu destino. Vamos supor que no meu caso, o meu trajeto, seja de Santos a São Paulo. O que eu precisaria fazer? Entrar no carro, pegar a via expressa até chegar à cidade de Cubatão, em seguida pegar o acesso a Rodovia dos Imigrantes, subir a Serra, passar pela Represa Billings, passar o pedágio, passar pelas cidades de São Bernardo, Diadema e por último chegar até São Paulo.

Agora imagine se ao sair de Santos, próximo a cidade de Cubatão, exista uma manifestação que você precise parar o carro? Veja, você continua no seu trajeto, porém terá que esperar um pouquinho até que o trânsito seja liberado novamente, certo? A manifestação passando, você continuará seu trajeto normalmente!

Vamos então, trazer esse exemplo para sua vida. Imagine que Santos seja sua realidade atual e São Paulo como sendo sua realidade de suas mentalizações. Imagine que a manifestação em Cubatão seja apenas algumas “resistências” aprendidas que bloqueiam momentaneamente seu caminho. E que basta a identificação desses bloqueios para que o fluxo dos acontecimentos possa correr solto.

O que de fato costumamos fazer quando uma manifestação na cidade de Cubatão acontece em nossas vidas? Responda com sinceridade!

Você pega o primeiro retorno e volta para a cidade de Santos! Então quando chega a Santos, você pensa como seria bom estar em São Paulo e pega a via expressa novamente, porém a manifestação ainda continua lá. Os policiais não tiraram os manifestantes do local. O que você faz? Pega novamente o retorno e volta para Santos. Logo, não consegue sair disso, se frustra, amaldiçoa o Universo e a mim por tabela.

Então você diz: “Mas na vida real é muito difícil identificarmos esse nosso comportamento.”

Então vou lhe dar outro exemplo.

Vamos supor que você ao entrar no carro percebe que seu tanque está quase vazio. Então você dirige rapidamente até um posto de gasolina, estaciona seu carro e pensa: “Eu preciso colocar combustível no meu carro. Porém a bomba não vem até mim! Porque ela não vem até mim? Vem bomba! Eu não consigo me mexer.” Então você olha novamente seu marcador do carro e pensa: “Ah Meu Deus, ele continua vazio. Eu não consigo encher meu tanque porque a bomba não vem até mim. Eu não consigo sair do carro e pegar a bomba. Ai..Ai…Ai”. Tudo isso, obviamente, falando com aquela voz de “gato miando” que você faz!

Eu sei que meu exemplo parece loucura. Mas é exatamente assim que você age em sua vida, quando diz que não tem força, que não consegue mudar um pensamento, que não consegue parar de pensar nisso ou naquilo, que não consegue, que não consegue, que não consegue.

E no nosso caso, qual seria esse combustível que tanto necessitamos para ligarmos nosso carro e viajarmos até nossos desejos? O combustível chama-se bem-estar. É só isso. Basta se sentir bem independente de qualquer situação de sua realidade atual, para que seu carro ligue.

Ficou fácil agora de entender?

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

ConsultoriaComprar

SaberDizerNaoComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarIIModusComprar
Defesas_Energéticas

A lei da atração nos relacionamentos afetivos
abr 29th, 2014 by admin

ModusComprarConsultoriaComprar

Recebo muitas perguntas referentes à aplicação da lei da atração nos relacionamentos afetivos. A mulherada sempre me pergunta: “Posso usar as mentalizações para fazer com que ele queira voltar comigo?” ou ainda “Posso usar a lei da atração para casar com fulano de tal?”

A resposta é sim. Porém com uma grande e importante diferença. Vamos à explicação!

Na lei da atração trabalhamos com três pilares: Mente consciente (essa que você usa para fazer contas, escolher o sapatinho e entrar em pânico), Mente subconsciente (Acessada por intermédio de suas emoções) e Eu Superior (responsável pela ponte de criação da realidade e conexão com o universo).

Sua mente consciente deseja especificamente aquela criatura. Ok! Porém sua mente subconsciente não compreende nomes. Tanto faz para ela se você disser Criatura Fulano de Tal ou Brad Pitt. Para ela tanto faz como tanto fez!

Então como ela sabe o que eu quero para criar exatamente o meu desejo?

Ela só entende suas emoções. Ela pega as suas emoções tidas como reais e verdadeiras e as transformam em vibrações. E quando transformadas em vibrações, tais ondas do Subconsciente são enviadas ao que chamamos popularmente de “Eu Superior”, que traz exatamente o cenário condizendo com suas emoções de crença.

Mente subconsciente é corpo. É sensação no corpo e não pensamento. Pensar você pode pensar um milhão de coisas que para o subconsciente não vai fazer diferença. Porém aquilo que você pensar e tiver uma sensação que o impressione como verdade, isso sim se tornará realidade.

Portanto se você pensa, por exemplo: “Quero um dia me casar com Fulano de Tal”. Sua mente subconsciente não está nem aí para quem exatamente você pensou. Ela apenas entenderá “Ela quer algo porque não tem. Então atenderei a falta, esse tal de não tem aí e darei mais disso a ela. Porque é isso que ela sente no corpo. Ela sente a falta. Ela tem o sentimento do não tem”.

Agora, se você pensar na sensação de estar casada com aquele cristo escolhido, você procurará em seu corpo sentimentos de como você se sentiria caso isso fosse verdade. O que você sentiria dentro de você? Não vale dizer: “Ah eu ficaria completamente feliz e realizada”. Mesmo porque mulher nunca nessa vida está 100% feliz nem tampouco realizada. Pense em seu dia a dia com essa pessoa. Como seria? Como seria naturalmente. Eu disse NATURALMENTE.

E o subconsciente nesse caso, como reage?

Exatamente assim: “Ela está sentindo calma, alegria, amor, afeto, completude, tranquilidade, segurança. E o que está gerando isso nela? Uma pessoa que desperta todos os sentimentos que ela já possui dentro dela. E quem é essa pessoa que possui uma energia como essa? Ah sim, fulano de tal é quem desperta isso nela. Então vamos trazer mais disso para a realidade dela. ”

O mecanismo é esse. Funciona exatamente assim. Porém devemos levar em consideração que não basta apenas o processo de mentalização. Você precisa colocar-se em primeiro lugar em sua vida para receber, precisa retirar os pensamentos negativos que a bloqueiam, precisa aprender a dizer Sim e Não dentro de você, precisa aprender a permanecer por cima em todas as situações.

Por esse motivo muitas pessoas quando assistem ao Filme O Segredo, acabam desistindo, pois não compreendem o mecanismo, acreditam que basta pensar e pronto. Existe um caminho entre o primeiro pensamento e a realização. E é esse caminho que chamo de “pulo do gato”.

Clareei? Ou compliquei?

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SaberDizerNaoComprar

FiqueporcimacomprarHomemComprarII

 

 

 

 

SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
»  Substance:WordPress   »  Style:Ahren Ahimsa
© Todos os direitos reservados