SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
Não está acontecendo nada
ago 5th, 2015 by admin

DespertandoFascinioAula3Comprar

 

Olhe em volta. Está acontecendo alguma coisa? Agora nesse momento? Um meteoro vai se chocar com a terra no próximo minuto? Tem alguém com uma ponta de faca na sua barriga? Não. Não está acontecendo nada.

Agora observe a sua cabeça. De meteoro a vou ficar sozinha morando de baixo da ponte forever está bem ali. Tudo acontece dentro dessa cabeça. Novelas são escritas, dramas, tragédias, catástrofes, o mundo vai acabar e você não comprou aquele sapatinho desejado porque o saldo do cartão de crédito se esgotou. É um turbilhão de pensamentos por minuto.

E agora? O que fazer com a cabeça?

A resposta é nada! Nada, simplesmente porque cabeça é isso mesmo. Ela sempre vai pensar o que não deve. Ela sempre por um motivo ou outro acessará partes de sua memória que desencadeará pensamentos e sensações.

O que fazer então?

Não embarcar nos pensamentos! Tenha o discernimento para compreender o que é apenas “cabeça” e o que de fato está acontecendo.

Quer fazer uma experiência?

Observe aí esse pensamento totalmente sem pé nem cabeça que a está corroendo nesse momento. Agora deixe a cabeça de lado e olhe em volta. Está acontecendo alguma coisa? Não!

Você não irá para trás das grades porque não pagou a fatura do cartão, você não chorará o término daquela relação para sempre, não vai ficar sozinha até o fim dos tempos, nem morrer vítima de uma avalanche. Não! O ebola não vai te pegar! Já tem até vacina! Por via das dúvidas, não vá para Serra Leoa! (risos). Afinal, o que você faria em Serra Leoa? Por acaso tem alguma loja da Victoria Secrets para você comprar hidratante?

Olhe aí! É só mais um dia, uma manhã, assim como foi ontem. Hoje mesmo você pode decidir mudar a cor do cabelo, o corte, o estilo de se vestir, de pensar e de viver a vida. Você pode mudar tudo de um segundo para o outro apenas escolhendo o que deseja ou não pensar.

Mas como faço para parar a cabeça?

Ela não vai parar! Não vai! Mas a forma como você lida com esses pensamentos é que faz toda a diferença.

Quer acreditar que você é uma azarada, que nada dá certo na sua vida, que sua área afetiva não tem solução? Ok! É uma escolha.

Mas que tal escrever uma estória nova a partir de agora? Que tal largar de mão aquela estória do “retorno do que nunca foi”? Que tal dedicar-se ao que de fato interessa?

Sua vida!

Chega dessa conversa de que fui injustiçada, porque mentiu, enganou, fez, aconteceu….Ficar repetindo o filme para todo mundo escutar e opinar só reforça essa coisa ruim que você sente aí dentro.

Ao contrário disso, foque sua atenção em algo que a alimente, a acalme, a anime, a deixe leve.

Não! Não é pra contratar o PCC para acabar com a vida daquela curva de rio!

Mas uma velinha pretinha…pretinha….tá liberado…(risos).

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

Pensamentos Obsessivos – Lançamento – Em Áudio
jun 29th, 2015 by admin

PensamentosObsessivoscomprar

Pensamentos Obsessivos? Quem em algum momento dessa vida não experimentou alguns deles? Que atire a primeira pedra, uma criatura na face dessa terra, que já não vivenciou situações, em que não conseguiu se desvencilhar de pensamentos característicos, que por mais que se esforçasse eles teimavam em voltar?

Acredito que 100% dos humanos sofrem ou sofreram desses episódios terríveis, não é mesmo?

E os motivos?

Dos mais variados!!

Medo de fazer algo errado, medo de ficar só, pavor de doença, não parar de pensar se ele vai voltar, se ele vai ligar, se ele vai responder se vai faltar dinheiro, se vai parar debaixo da ponte, se alguém vai morrer, se algo trágico vai acontecer e por aí vai…

Pense aí no seu motivo da vez…(1 minuto de silêncio)

Parece até macumba ligada! Você fica 2 segundos quieta e o pensamento volta igual a um míssil. “É um inferno”, você pensa! “Não consigo parar de pensar nisso! Não aguento mais!”.

Mas sabe o que mais? Você não é a única pessoa a passar por isso!

Juro! Você não é maluquinha (o) de pedra! Você tem salvação!

Eu sei o quanto é difícil compreendermos como nossa mente funciona e assim poder gerenciar o que pensamos e sentimos. Mas o entendimento desse processo e gerenciamento dele é que faz toda diferença em nossas vidas.

Eu não quero mais ver você escrava (o) de sua mente.

Você não é a mente! A mente é só um aparelho e você pode sim aprender a comandá-la.

A sua felicidade e bem-estar não está no carro, na casa, no emprego ou num homem ou mulher. Sua felicidade está no bem-estar sentido em seu corpo com a satisfação em seus pensamentos, independente se você está sentada num banco de ônibus ou num Land Rover.

Claro que o Land ajuda! E como! Não vou ser hipócrita aqui e pregar o desapego! Longe de mim!

Mas eu prefiro andar de metrô com um sorriso sincero no rosto do que na Ferrari acompanhada de um ansiolítico ao lado.

Se eu posso me sentir bem, eu quero saber como. E quero saber já!

Neurônios queimados
jun 8th, 2015 by admin

ValorComprar

Já parou para analisar quanto já nessa vida perdemos pensando em coisas, situações, pessoas que nem mais existe em nossas vidas? E o pior, é o quanto nos desesperamos, arrancamos os cabelos, fazemos de tudo um monstro, por nada!

Na hora parece um bicho de sete cabeças! E eu vejo aqui diariamente o quanto as pessoas entram em pânico por tão pouco. Ah, um detalhe: Eu também me incluo na expressão “as pessoas”. Sim, afinal, eu também tenho uma cabeça que pensa.

Sim! Exatamente! Ela pensa! Assim como a sua minha querida! Pensamentos obsessivos, repetitivos, não é exclusividade sua. Todos nós somos assim! Sabia? Achou que era apenas você que tinha a cabeça mais psica da face dessa terra?

Claro! Cada um com a sua psicagem. Mas cada um tem uma em especial. Tem gente que é com dinheiro, outros com o famoso “parecer ser”, outros com homem (será esse seu caso? rs), outros com mania de doença, de limpeza, com filho, com o timão e por aí vai.

“E como faz pra parar Fernanda?”

Não faz! Ela simplesmente não para e não vai parar! Sinto muito ter que dar essa notícia logo numa segunda-feira. Mas a questão é como você vai a partir de agora lidar com isso.

Ora, se ela não vai parar então é melhor eu começar a aprender a lidar com essa máquina de modo a não me deixar maluca! E como fazemos isso?

Procurando por novos pensamentos, melhores obviamente, que sejam mais condizentes com o que é real e que a faça se sentir bem. Não tem outro jeito! Pois os pensamentos vão continuar insistindo! Mesmo que você mande parar! Mesmo que você reze o terço, ligue a televisão ou ouça uma música.

O único jeito de parar tais pensamentos é substituí-los por outros melhores, ou seja, que você considere mais assertivos do que os anteriores.

E isso vale para tudo! Qualquer que seja o assunto! Do mais irritante ao mais catastrófico.

Eu sei que no começo parece impossível. Mas então você vai começar a dar um passo de cada vez. Um pensamento novo atrás do outro. Uma sensação um pouco melhor para uma nova sensação de paz.

Fácil? Não é. Acredito que domar a cabeça, seja a pedra mais difícil de ultrapassarmos, pois é algo seu apenas com você.  Mas é a única chave para o nosso bem estar e de nossas criações.

Vamos começar a semana tentando procurar por novos pensamentos? Os de vítima, desgraçadas da vida, abandonadas, largadas entre outras pérolas você já pode começar agora a jogar fora. Isso não condiz com quem você verdadeiramente é.

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

 

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7

MateaFadaGeleiaComprar

 

 

 

Uma prosa sobre seu pensamento
out 30th, 2014 by admin

LeisdoUniversonapraticacomprar

Vamos falar hoje sobre esses seus doces pensamentos que a atormentam quase a levando a beira da loucura.

“Como eu faço Fernanda para não pensar. Eu penso. Eu não quero pensar mais. Eu tento, mas os pensamentos voltam”.

Aposto que você fica se sentindo uma aberração por ter esses tipos de pensamentos obsessivos, não é mesmo? E seu te disser que todos nós temos? E se eu te disser que eles sempre continuarão existindo? E mais…e se eu te disser que se você não der lado a esses pensamentos substituindo-os por outros que a façam se sentir melhor, esses distintos começam a perder a força e demorar mais tempo para aparecerem, chegando até o ponto de não mais darem o ar da graça?

Mas é assim mesmo que funciona! Claro que quando estamos no meio do olho do furacão, os pensamentos são tão presentes, tão fortes, tão carregados de vivacidade que chegamos a pensar que ele tem vida própria, o que não deixa de ser verdade. Mas essa “vida”, essa “força” de fazer com que eles voltem a todo o momento é a sua própria força. Sabia disso? Pois é! É a sua força e vida que faz com que seus pensamentos tenham mais ou menos importância.

Veja, a ferramenta ou mente como você quiser chamar, é sua. Ela é como a visão ou o olfato por exemplo. Quando você não quer ver uma cena de que não gosta, você não fecha os olhos? Quando não quer sentir um cheiro ruim, você não prende a respiração até o cheiro passar? Então porque a cabeça você não controla, criatura?

“Mas os pensamentos Fernanda insistem em me dizer que….”

E eles vão continuar insistindo enquanto você der força! Ou seja, enquanto você continuar achando que a mente é você, que ela deve dominá-la e fazê-la se sentir mal, realmente ela vai dominá-la e obrigá-la a executar as maiores sandices!

“E como eu faço Fernanda?”

Procure por pensamentos condizentes para sua mente e que a façam se sentir melhor.

Que tipo de pensamentos?

“Eu não estou sozinha. Eu sou uma extensão do universo e tenho as mesmas forças que criam mundos trabalhando nesse momento nessa questão que tanto me incomoda. Se isso aconteceu foi porque eu permiti de alguma forma. Mas agora não permito mais. Estou ao meu lado 100%. Se ele foi embora não tem problema. Eu apenas confio que algo melhor está por vir. Pois eu não mereço outra coisa a não ser o melhor e não permito palhaçada aqui na minha vida. Se ele agiu feito um perfeito e completo cretino é porque a vida me mostrou que meu alinhamento vibracional não tem em nada a ver com o dele. Logo, ele precisa ser retirado para que outro que esteja alinhado possa fazer parte de minha existência e assim eu possa realizar os meus desejos mais profundos. E se de quebra o ex puder morrer atropelado por um ônibus na Avenida São João ótimo!”

No começo, como tudo que estamos aprendendo a fazer, dará um pouco de trabalho. Mas eu prometo que é só no começo mesmo. Porque nossa mente é rápida. Bastou uma semana saindo com o infeliz, para sua mente aprender que deveria pensar no quadrúpede 24 horas por dia, certo? Então basta um pouco mais de uma semana seguindo essa linha, que esses mesmos pensamentos começarão a se dissipar pouco a pouco.

Que tal começar a fazer uma tentativa? Descambou tudo mesmo! Então prove do meu remedinho. Não tem erro!

********************

 

Ainda não se inscreveu para começar a receber meus e-mails? Então, cadastre-se logo abaixo.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

SalvandoseuRelacionamentoComprarProsperidadeComprar7ModusComprar

Vivemos num labirinto escuro (Mente)
mar 28th, 2014 by admin

HomemComprarIISaberDizerNaoComprarConsultoriaComprar

O Universo é tão simples como uma barra de chocolate. Sabe essa que você devora em 30 segundos e que está tão acostumada com sua textura, aroma e paladar que nem se dá mais conta de como uma mordida se comporta em sua boca? (Usei chocolate, pois isso eu sei que você entende bem).

O Universo é a mesma coisa. As leis que regem o universo são exatas, perfeitas e o melhor de tudo, são simples.

Você tenta, tenta uma coisa, se esforça ao máximo, faz das tripas coração, pensa até a cabeça quase pifar, reza, acende vela, faz banho de descarrego e nada. A coisa não vai. E então você se pergunta “Onde estou errando? Onde está meu bloqueio?” E você não tem resposta!

Você luta contra aqueles pensamentos, você briga com eles 24 horas por dia, os combatem, como um soldado na guerra, querendo a todo custo e em vão que essa coisa cabeluda que você tem aí acima do pescoço pare de pensar.

Tenho uma novidade para você: A mente não pára. Ela não pára nunca! E nunca vai parar. Não tem jeito. Os pensamentos que você tem aí ligado em sua cabeça como uma macumba assentada, não vai sair apenas porque você não quer mais pensar. Nosso corpo, nossos aparelhos são fantásticos. Eles possuem uma inteligência e, portanto qualquer tentativa em derrubar velhas crenças é defendida com toda força e pressão que só seu “tico teco” interno sabe fazer.

“Ah Fernanda então quer dizer que não tenho salvação?”

Claro que tem! Existem formas de você burlar esses pensamentos, isolando-os ou até mesmo neutralizando-os até que novos pensamentos ou macumba como preferir, sejam instalados em sua cabecinha.

E que pensamentos novos são esses? Pensamentos que sejam aceitáveis pela sua cabeça. Por exemplo: Você tem aí na sua cabeça que dinheiro é muito difícil de ganhar. Isso já está ligado em você há anos. Vai adiantar você bater de frente com essa crença e dizer dentro da sua cabeça “eu sou rica”? Claro que não! Isso vai soar falso. E assim que você pronunciar essa frase, sua cabeça inicia um processo de proteção, de garantia dos pensamentos e crenças existentes, de defesa e proteção da estrutura atual. E esse mecanismo consiste em jogar frases de efeito em sua mente do tipo “Ficou louca? Como você pode dizer que é rica com essa conta bancária no vermelho? Como você pode querer ser rica com as criancinhas passando fome no campo de refugiados? (essa última foi para minha querida amiga e rival Angelina Jolie)”

Pois bem!

Confirma para mim nesse momento! Tente usar uma frase antagônica as tuas crenças e veja como a mente reage. Sendo assim, só existe um jeito de sair desse labirinto escuro chamado de “mente”, que é instalando outros “programinhas” que sejam mais aceitáveis, ou seja, que não se choquem fortemente com as crenças que você já tem enraizadas.

Nesse caso específico você poderia colocar um pensamento do tipo “Melhoro um pouco a cada dia”, ou ainda “O Universo me supre em tudo o que eu preciso”, ou ainda “Tudo o que preciso será trazido para a minha realidade” e na pior das hipóteses, use um pensamento bem adequado, polido e elegante como “Foda-se tudo”. Funciona também.

Que tal começar a se observar? Que tal começar a olhar para dentro, ter a coragem de visualizar de frente essas crenças, esses pensamentos e começar a instalar novos? A mente é só um aparelho e um aparelho controlado por você. O arbítrio é seu e não dela.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

Fiqueporcimacomprar

 

 

 

 

Solte seu problema ao Universo – Parte 1
jan 29th, 2014 by admin

ConsultoriaComprar

Resolvi fazer esse artigo em duas partes, visto o detalhamento e o passo a passo que desejo ensinar a todas vocês. Talvez para algumas, seja o ato mais difícil que irão fazer desde que nasceram e requer uma dose extra de coragem, determinação e amor para com você mesma.

Noto uma infinidade de mulheres que estão amargando um sofrimento, uma angústia e uma agonia sem tamanho, seja por qual motivo for. Perdem-se num emaranhado de pensamentos catastróficos, pessimistas, pequenos e sem importância real.

O sofrimento é tanto que mesmo que eu explique que a vossa realidade só será alterada quando você mudar a forma como vê as coisas por dentro, é em vão.

Você diz simplesmente: “Eu não consigo soltar. Como eu solto?”

Em primeiro lugar quero que você pense o seguinte: Daqui a 100 anos você não estará mais aqui. Logo, esse seu problema que você acha e acredita ser tão importante também não existirá. Aliás, nem a pessoa objeto de seu sofrimento também não estará mais aqui. Nada mais do que você vê hoje com seus olhos físicos também não existirá mais.

E para onde você vai? Exatamente de onde veio: Para o Astral, para outros Planetas, Bater bolsa no Universo, Traçar uns alienígenas, não sei. O que eu sei é que eu não vou para essas tais de Colônias Espirituais. Eu não vou! Eu já conversei com meus mentores e não vou! Ah não! Aquela gente falando mole, de camisola bege e sandália rasteirinha, não é pra mim! Eu gosto de salto alto, vestido justo e de saracotear para cima e para baixo. Ficar sentada num jardim com aquele olhar de “nada versus nada”, credo! Prefiro ser enviada para um terreiro para trabalhar aqui na Terra. Pensa bem (risos)! No terreiro vão me dar champagne, batom, comida, cigarro (eu não fumo, mas depois de morta vou começar) e mais tudo aquilo que eu pedir. E de quebra as quartas-feiras ainda tem batucada! Olha que beleza! Está decidido: Serei Pombagira após meu desencarne!

Pronto, meu momento de alucinação matinal passou! Vamos voltar….rsrs

Mas a questão é que esse seu problema, o qual você está se descabelando e fazendo todo esse dramalhão, uma hora vai ter que acabar. Você pode escolher acabar já, agora aqui comigo, ou levar meses e até anos. Então pra quê prolongar uma situação a qual a está fazendo sofrer tanto? Está bom assim? Não está, certo? Então que tal provar do meu remédio?

Eu afirmo a você que está em suas mãos mudar a sua realidade, apenas mudando você por dentro. E não é tão difícil assim, como você imagina. Requer apenas uma dose de coragem somada a um pouco de persistência no começo. Mas é só no começo! Pois muito em breve, esses pensamentos horrorosos e persistentes que você tem hoje deixarão de existir. E sabe por quê? Porque a mente é um aparelho que aprende por repetição. O que significa dizer que da mesma forma que você a ensinou a pensar: “Será que ele virá atrás de mim? Será que ele vai se arrepender? Como uma pessoa que se dizia amar tanto de repente me largou? Por que isso aconteceu?” e dá cinco minutos e volta: “Não me conformo! Será que ele pensa em mim? Por que será que ele fez isso? O que ele está fazendo?” e mais cinco minutos depois “Será que ele ainda pensa em mim? Será que ele nunca gostou de mim? Por que ele fez isso? Mas por quê?”…e não tem fim.

Percebe como é uma característica viciosa, repetitiva e cíclica?

Pois é minha cara! É a função da mente consciente! A função de lembrar das coisas as quais você colocou lá dentro. E ela vai continuar lembrando, até que você diga a ela que esse assunto não tem mais importância em sua vida e que agora ela deve se preocupar com outras coisas.

Eu quero que hoje até amanhã no próximo texto você observe sua cabeça. Perceba o funcionamento dela. Perceba os movimentos repetitivos que ela faz. Note sua operação, seu modo de se comportar e o que exatamente desencadeia tais comportamentos.

Amanhã voltarei com o processo de “soltar” na prática.

Siga-me no twitter: @menruntoyou

 


 

 

SIDEBAR
»
S
I
D
E
B
A
R
«
»  Substance:WordPress   »  Style:Ahren Ahimsa
© Todos os direitos reservados